Visualizações

15 de fev de 2014

The Rose- Parte 4

A noite


Enquanto falava com a mãe ao celular, Demi tentava focar na conversa. Havia mandado uma mensagem justamente porque sabia que não conseguiria falar nada durante um bom tempo. As palavras sairiam enroladas e ela não estava com cabeça para falar. Mas a mãe ligou um minuto depois, exigindo saber cada mínimo detalhe.
-Se fosse uma outra situação, ela viria me buscar- comentou, sentando-se ao lado dele- Minha mãe não deixa eu passar a noite fora de casa.
-Pretende passar a noite aqui?- ele perguntou curioso.
-Não é como se eu pudesse escolher- suspirou ainda assim com um meio sorriso.
-É, nem eu- deu de ombros.
Ela então parou novamente para pensar. Não era tudo o que queria? Beijá-lo? Finalmente aquela coisa que “queda secreta por Joe Jonas” estava a recompensando. Mas e agora? O que faria? Não era tão fácil assim. E por que ele havia a beijado também? Isso significava alguma coisa?
-Você... prendeu o senhor Bruxelas?- ela perguntou com uma careta depois de um tempo. Ele apenas a encarou e riu. Não achava que seria essa a pergunta.
-Prendi.
Silêncio novamente. O fogo da lareira estava quase desaparecendo e Joe disse que iria buscar mais lenha. Demi permaneceu sentada, remexendo-se no sofá. Ela precisava falar alguma coisa, perguntar uma besteira qualquer ou pelo menos fazer com que ele falasse com ela. Passar o resto da noite nesse clima não a deixava nem um pouco confortável. Ela odiava silêncio.
-Posso... te fazer uma pergunta?- as palavras saltaram de sua boca assim que ele apareceu na sala com a lenha nas mãos.
-Pode- Joe respondeu descontraído, caminhando até a lareira.
-Por que você me beijou?- a voz dela saiu firme, mas todo o seu corpo parecia tremer no momento.
-Por que você me beijou?- ele repediu a pergunta, virando-se de frente para ela.
-Tá, eu acho melhor nenhum dos dois responder- a menina conformou-se vendo-o sorrir de lado.
Ela havia o beijado por razões óbvias e ele havia a beijado também por razões óbvias. Pena que um desconhecia as razões do outro.
Joe sentou-se próximo ao fogo e encostou-se a um pufe que estava trás dele. A menina permaneceu quieta, no seu canto, longe dele. Não porque queria, mas por que não sabia como se aproximar. Engoliu todos os receios e calmamente sentou-se ao lado dele. Primeiro manteve certa distância, depois foi chegando para o lado. Ele permanecia imóvel e encarava o fogo, concentrado, mas em seus lábios formava-se um sorriso.
-Por que você tá rindo? Eu só tô tentando me aproximar- reclamou emburrada. Ele riu ainda mais.
-O jeito como você vai chegando perto é engraçado- explicou- Por que não senta aqui comigo de uma vez?-sugeriu calmamente.
-Tão fácil- ela revirou os olhos enquanto murmurava.
Aproximou-se de uma vez, exatamente como ele havia dito e ambos ficaram lado a lado, de frente para o fogo. Aproveitando a oportunidade, ela deitou a cabeça no colo dele e sentiu o braço de Joe por trás de suas costas. Sorriu com o gesto e agradeceu por ele aceitar o que quer que ela estivesse disposta a oferecer naquele momento.
-Eu... vou confessar que não achei que você fosse assim- ela disse relutante. Sua nova forma de pensar sobre ele não mudava em nada o que ela sentia.
-Achou que eu nunca tivesse beijado uma garota?- perguntou divertido. Mais uma vez ela revirou os olhos.
-Você beija bem- ela disse com um sussurro. Ela pensava que ele fosse mais reservado e tímido do que aparentava. Se bem que ele também pensara que ela fosse mais seletiva.
-Talvez eu devesse agradecer- ele comentou acariciando o braço dela com o polegar. “Ou talvez você devesse me beijar de novo” foi o que ela pensou, e decidiu que ia falar, mas ele interrompeu seus pensamentos- Você também não é nada mal- sorriu vendo-a levantar a cabeça para encará-lo.
-Você é irritante- ela riu.
-Qual é, Demi?! Você tem a escola toda implorando por um encontro com você. Pergunta pra qualquer um se você beija bem e vão é beijar os seus pés. Não acho que a minha opinião importe tanto assim- deu de ombros, falando com sinceridade. Ouvi-lo falando aquilo a magoou, mas mal ela sabia que magoava a ele também ter que admitir o que era a mais simples verdade.
-Você exagerou muito agora- ela respondeu- E talvez importe mais do que você imagina- sussurrou.
-Por que?- ele questionou incrivelmente curioso, no mesmo tom de voz que ela- Você quer ouvir isso da boca de cada um daquela escola? Inclusive da minha?
-Olha, eu não sei que tipo de pessoa você acha que eu sou, mas está bem enganado. E eu não quero ficar aqui ouvindo você dizer que eu alimento o meu próprio ego, o que na verdade eu não faço. E...
Joe inclinou-se na direção dela, colocando seu corpo sobre o de Demi e beijou seus lábios fazendo-a parar de falar asneiras. Se existia alguém naquela escola que pensava exatamente o contrário do restante, era ele. Talvez tivesse falado algumas coisas desnecessárias, mas ele só queria saber o que estava de fato acontecendo. Talvez falando algumas dessas coisas ela finalmente dissesse o que queria com ele.
-E eu vou embora- ela completou a frase depois de um tempo ofegante.
-Desculpa, Demi- ele disse impedindo-a de levantar. Na verdade, ela não iria embora, não era louca a ponto disso- Eu não penso nada disso sobre você.
-Por que então disse tudo aquilo?- perguntou magoada.
-Porque eu queria saber o motivo pelo qual de tanta gente naquela escola, você tá aqui, comigo e porque eu acho que está gostando disso- ele disse fazendo-a paralisar. Não era a hora de contar tudo a ele, era?
Em vez de admitir ser secretamente apaixonada por ele, o que na verdade agora soava como uma das maiores loucuras que ela já havia pensado em cometer, ela o beijou. Agarrou a nuca de Joe e puxou-o para mais perto.
Ela levou seu corpo para cima do dele e prendeu suas pernas na cintura do garoto. Joe retribuiu o beijo com a mesma intensidade e não fez questão de nenhuma outra resposta. Essa estava ótima.
Puxando-a pela cintura, ele levantou delicadamente a suéter que ela usava, esperando por algum tipo de reprovação. Mesmo depois de todos os beijos, ele ainda esperava que ela fosse se dar conta do quão louco aquilo era, porém ela nunca parecia se importar com as circunstâncias.
Quando Demi beijou-o com mais desejo, ele acariciou sua coxa quase completamente a mostra. Seus olhos se encontraram por uma fração de segundos, mas logo ambos os fecharam, deixando que as diversas sensações os invadissem.
Joe deixou que suas mãos vagassem livremente por debaixo do suéter e segurou-a pelo quadril enquanto distribuía beijos por sua nuca. Ouviu a menina suspirar em seu ouvido e prender os dedos em seu cabelo. Ela arranhou levemente as costas dele enquanto sentia as mãos de Joe sendo pressionadas contra seu corpo. Demi desceu suas mãos pelo peito dele e deixou que ambas parassem na bainha da camisa, puxando-a para cima e revelando um Joe sem camisa que ela desconhecia.
O corpo dele nunca pareceu ruim, ela achava que talvez se ele malhasse, pudesse competir com facilidade contra os garotos do time de futebol. Mas agora ela achava mesmo que ele já malhava. Não era extremamente forte nem tinha aquela barriga que permite ser usada como tanque. E ela nem gostava de caras assim. Ele era incrivelmente... perfeito aos olhos dela.
Depois de sorrir encarando o tronco nu dele, ela voltou sua atenção para beijá-lo. Poderia se distrair com o corpo depois. Ele sorriu por entre o beijo ao perceber como ela estava presa no momento e puxou para cima o suéter dela, revelando uma lingerie preta com traços vermelhos. Se a ideia não fosse tão absurda, ele diria que ela se... preparou para a noite. Loucura.
Ele distribuiu beijos, começando pela nuca e descendo até os seios. Demi levou seu corpo para frente, querendo que ele a beijasse em todos os lugares possíveis. Ela nunca pensou que fosse querer tanto os lábios dele no corpo dela. Demi enterrou seu rosto no pescoço dele, beijando-o enquanto era beijada e acariciada.
Joe abriu o fecho do sutiã dela com tranquilidade, sem pressa, fazendo-a sorrir com tamanha delicadeza. Ele beijou os seios da menina fazendo-a puxar seu cabelo e gemer em seu ouvido. Demi apertou os braços dele com força quando Joe deslizou suas mãos livremente pelo tronco nu dela.
A calça de Joe foi tirada com a ajuda de Demi e não demorou para voltarem a atenção para os beijos. Suas bocas se encontraram novamente, antes que ele deslizasse os dedos pelo cós da calcinha dela.
Suas respirações se confundiram e suas bocas roçaram-se uma na outra quando ambos decidiram explorar um ao outro. Seus corpos se juntaram e em questão de segundos eles haviam se tornado um só.
-Isso é tão louco pra você quanto é pra mim?- ela perguntou o sentindo brincar carinhosamente com seu cabelo.
Joe havia pego um cobertor que estava sob o pufe e ambos estavam deitados no tapete da sala, abraçados.

-Pode acreditar que sim- sorriu. Por mais louco que fosse, era também maravilhoso. 

Continua...
Galeraaaaa shfsilgsow awn eu tô tão feliz com os comentários de vocês, muito obrigadaaaaaaaa! <3 <3 essa é a penúltima parte (:s) maaaas... foi boa, né?! hehe

Beijão, lindas
amo vocês!
Brubs

21 comentários:

  1. mds essa capítulo gfeduhbwnsjimoadbs rolando no chão de tão perfeito! Essa fic tá super, hiper, maga, ultra demais dehucsxjibfduhbcs posta logo a última parte! Beijos ~Dany~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha obrigadaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa jfgrgfwo ai cara eu tô tão feliz que vocês estão gostando vefgoveob :D beijocas, amor!!! kfbrigfow

      Excluir
  2. opaaaaa adoroooo posta maiiiis , posta logo vaiii, ta lindo

    ResponderExcluir
  3. cara eu sinceramente não esperava q isso acontecesse e eu amo ser surpreendida hskskdhf plmdds posta logo!! - Thaliaaa :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. epaaaaa amo surpreender fgriçenfioe <3 vou postar, beijos, linda <3

      Excluir
  4. Parei pra ler a fic toda agora e aaaaaaaaaaaaaaaaa bruna eu preciso de mais!!!!
    Que romântico o Joe deixando rosas pra ela no armário, a demi toda bobinha por ele, o senhor bruxelas aproximando os dois DNHSJADHOASDFHSA to amaaaaando os capítulos *---*
    Posta Mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha vfioegvegvobeo awn que bom, muito obrigada, amor! beijocas <3 <3 <3

      Excluir
  5. Aaaaah nao ja ta acabando?! Achei qe ia ter mais haha perfeito tuuudo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tá acabando sim :s na verdade eu errei, não são 5 partes, são 6, mas mesmo assim falta pouquinho :/ obrigada, linda, de verdade <3 <3

      Excluir
  6. Caraaaaaa esse min fic tinha que ter continuação, ta muito perfeito ! Posta logo mulher

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, eu só não faço continuação, ou só não fiz ela maior, porque não tive mesmo tempo! tá complicado pra mim começar uma fic mesmo, então tô tendo que fazer minifics por enquanto :s obrigada, amor, vou postar jegçoeo <3 <3

      Excluir
  7. Geeeeeente q quente. Kkkkkklkkk posta logo

    ResponderExcluir
  8. cara eu to lskdmczçpx nao sei dizer mas cara isso ta perfeita e eu to em choque porque foi perfeito perfeito perfeito, pelo amor de deus posta mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. awwwwwwwwn vbfpçoveupo obrigadaaaaaaaaaa <3 <3 <3 <3 <3 muito obrigada! vou postar, xoxo <3

      Excluir
  9. Ai caralho eu to sjdksjebdidj mds amei
    Perfeicao vcs define mds eles brincaram de fazer nenem mds ameei ameei
    Cala in love com essa fic cala
    Posta Logo
    Xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahahaha brincaram de fazer nenem hahahaha obrigada, linda, de coração! vou postar, mil beijos! <3

      Excluir
  10. Ótimo super ansiosa para saber mais...
    Posta logo brigadeirinha
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou postar, meu amor! obrigada por tudo <3 <3 beijos!!

      Excluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3