Visualizações

21 de jan de 2013

(Maratona) 8- Gosto de você.


Love is everywhere:
Camp's love
(1ª temporada)

( I don't own anything in this pic)


Demi on:
-Estava pensando sobre o quão irritante você pode ser às vezes- respondi risonha à provocação dele.
-Ah, não era isso- afirmou, convicto de si.
-Como pode estar tão seguro de si?- eu ri- Ah... hum, pensei em como você é diferente- dei de ombros.
-Sempre me disseram que ser diferente é bom- ele sorriu e eu assenti.
-Sabe?! Você deita numa cama comigo para conversar- eu ri, ouvindo a linda risada dele me acompanhando- Não se importou em ser meu amigo durante esse tempo.
-Cheguei aqui recebendo ameaças e agora você me enche de... "elogios"- ele sorriu- É um avanço.
-Não te ameacei- afirmei.
-Ah, chegou perto- nós rimos- Estava se controlando para não gritar.
-Ah, nem vem, nem estava assim com tanto medo- disse, me negando a admitir.
Ele sorriu, um sorriso diferente. Eu já havia visto antes, era daqueles bem maliciosos, mas continuava a ser diferente. Porque também tinha diversão estampada em seu rosto. Me perguntei por alguns segundos o que ele faria, mas isso fora em vão. Antes que eu pudesse concluir qualquer linha de raciocínio, o menino, que era maluco, não existia outra explicação, estava em cima de mim, prendendo o meu corpo entre as suas pernas.

Agora, não me perguntem porquê a criatura fez isso. Talvez fosse engraçado demais me ver com a respiração falhando, como se o oxigênio não existisse ali, ou minha expressão de assustada, acompanhada de olhos bem arregalados. Ou talvez ele quisesse que eu parasse de negar, queria me provocar. Como eu disse, esse negócio de orgulho ainda ia me dar muito problema.
-Ainda não tenho tanto medo assim de você- eu sussurrei, provocante. Ah, eu tinha meus momentos também! Porque ele era o único que podia se divertir?
Acho que todo o meu nervoso se dissipou exatamente porque eu sabia que ele estava brincando. Tá, realmente ele estava exagerando um pouco, e se aquela conversa não tivesse acontecido, eu estaria sim gritando agora mesmo. Mas era diferente nesse momento.
-Não mesmo?- ele perguntou, em meu ouvido. Neguei, mantendo a postura, até deixar que meus olhos se encontrassem com os dele.
Joe me encarava de um jeito diferente, novo em relação a como sempre acontecera. Não era mais aquele olhar brincalhão e divertido, sempre pronto para a próxima gracinha. Era algo... hipnotizador. Eu simplesmente não conseguia tirar meus olhos dos dele.
Foi então que ele juntou seus lábios com os meus, depois de ir se aproximando lentamente. Quando Joe começou a chegar mais perto, a primeira impressão era que ele ia FINGIR estar prestes a me beijar. Mas era o oposto que acontecia nesse exato momento. Ele estava realmente me beijando.
Ainda não era um beijo. Sei lá o que era aquilo, mas nossos lábios estavam de fato juntos. Muito calmamente, ele segurou minha nuca, iniciando um selinho demorado. Enquanto pressionava nossos lábios, eu podia sentir suas mãos em contato com a minha pele quente.
E foi aí que tudo se embaralhou em minha cabeça. Agora sim eu me perguntava, "o que esse idiota está fazendo?". Mas depois decidi mudar de "idiota" para "maluco", caso eu, por impulso, deixasse que essas palavras escapassem de minha boca. Às vezes eu era assim, quando pensava muito em alguma coisa, acabava pronunciando-a, antes mesmo de conseguir raciocinar. E era praticamente impossível raciocinar agora. 
Mas porque não "idiota"? Porque conforme ele mantinha nossos lábios juntos, eu ia percebendo o quando queria aquilo, o quando estava gostando. 
Joe ia com calma e eu apreciava isso. Pelo menos ele só tinha ignorado uma parte da conversa, mas não ela toda. Tudo bem, ele ignorara 99,9% da conversa, mas esse 1% ainda era importante para mim.
Apesar de não parecer que ele iria aprofundar o beijo- já que apenas me dava alguns selinhos molhados, roçando seus lábios quentes nos meus, eu sentia que, já que tivera o impulso de me beijar, não seria capaz de se conter a essa oportunidade. Depois eu que estou errada. Me diz agora, quando aparece aquela oportunidade, ele não aceita de cara? Pois é.
Acariciando minha bochecha com a suave ponta do polegar, ele finalmente pediu passagem com a língua. E eu, que não sou burra nem nada, logo cedi. Não por ser inteligente, mas por ser impossível resistir. Agora eu me perguntava apenas porque ele estava me beijando.
Podia ser só por provocação? Tá, não me chamem de idiota, eu sei que ele queria fazer isso a muito tempo. Mas o que eu quero dizer é que, mesmo com essa atração, eu não achei que aconteceria assim, dessa maneira. Não com ele deitado em cima de mim na minha cama. Não depois de falar, claramente, que queria ir com calma. Que raios era "calma" para ele?
-Joe- chamei entre o beijo, que ficava cada vez mais caloroso. Ainda não podia chamar isso de intenso, porque eu havia recuado um pouco.
-Shhh- ele sussurrou, aproximando mais nossos lábios- Com calma- ele disse, como se me garantisse que não era preciso a preocupação. Eu não estava... preocupada de fato, mas... ok, eu não entendia o que eu sentia.
O beijo já estava intenso, mas calma não era um problema. Mesmo me beijando da forma que ele fazia, estava carinhoso. Muito mais carinhoso do que eu já havia sentido anteriormente. 
Enquanto seus lábios corriam pelos meus, eu entendia porque ele era tão popular. Com Joe, não era preciso mais do que um beijo para ficar completamente enlouquecida.
Aos poucos e com cuidado, ele foi recuando, porém sem tirar seus lábios dos meus. Me trouxe junto pela nunca, delicadamente, até que estivéssemos sentados, de frente um para o outro. Achei que ele me deitaria novamente, já que parecia não querer desgrudar nossos lábios. Daí veio aquela maldita necessidade de respirar. Maldito oxigênio. Ele aproveitou para se distanciar um pouco e abaixou a cabeça, enquanto deixava que o espaço entre nós aumentasse. 
Ele ainda segurava minha nuca, porém já estávamos longe o suficiente um do outro para que Joe pudesse ver meu rosto corando e minha pele levemente ruborizada. Eu não era tão santa assim, afinal, acabara de ceder aos beijos dele, mas se tinha uma coisa que eu não podia negar ser, era tímida.
-Bom... acho que esqueceu de me contar um detalhe importante sobre você- eu disse, forçando meu melhor sorriso, envergonhada, mas mantendo a pose brincalhona. E não, nunca era mais fácil fingir que não tinha acontecido nada.
-O que eu não te contei?- ele perguntou, rindo brevemente. Provavelmente imaginava que eu fosse dizer algo não inesperado. Joe deslizou seus dedos com cautela, tirando uma mexa de cabelo do meu rosto.
-Que era surdo- ele soltou uma gargalhada quando eu respondi obviamente. E quando eu ia cala-lo com a mão, ele apenas me puxou rapidamente para outro longo beijo- O que exatamente significa "calma" para você?- perguntei, respirando com dificuldade.
-Eu acho que você é quem está interpretando errado- ele comentou- Não estou com pressa, foi apenas um beijo. De vagar. Não fiz nada demais, fiz?- ele tinha um sorrisinho no rosto, meigo.
-Não- sussurrei, em um som beeeem baixo.
-Você não negou que sabia que eu queria alguma coisa a mais quando eu te dei essa oportunidade. E o que quer que esteja acontecendo entre nós, não tem pressa alguma. Não tentei transar com você nem nada. Apenas te beijei.
-Você não está errado- admiti-  Eu só achei que isso não aconteceria depois dessa conversa- dei de ombros, ele apoiou sua mão em meu queixo, levantando-o para que eu o encarasse.
-Escuta, eu... estou sendo sincero com você- ele disse- Quero uma chance, você não pode fingir para a vida toda que não quer entender isso. Quero sim que aconteça alguma coisa entre nós, mesmo que sem pressa alguma. Eu respeito o fato de querer as coisas com calma. Mas eu queria saber se teria minha chance. Você ficou incomodada com o beijo?- perguntou. Mas é claro que não, eu queria responder. Mas preferi ser mais sutil, menos exagerada e desesperada.
-Não fiquei incomodada- ela disse- E eu sei que quer que aconteça algo a mais... tudo bem, eu também quero- confessei- Mas calma, por favor. Você tem a sua chance se não se animar muito- avisei, sorrindo.
-Eu te respeito- ele garantiu. Era impressionante como aquelas simples palavras me deixaram mais segura.
Eu ia agradecer, ia mesmo. Mas pensei que talvez fosse outra oportunidade para ele continuar com a conversa... enfim, eu não sabia onde isso chegaria, então preferi nem arriscar. Estava bom, ótimo, como estava e eu apenas sorri largamente.
Joe sorriu, assim como eu, e se aproximou mais. Eu jurava que ele me beijaria novamente- ele parecia ter gostado da nova brincadeira de tocar nossos lábios- mas ele apenas jogou um de seus braços por cima do meu ombro e segurou minha cintura com o outro. Nos abraçamos durante um tempo, um abraço bem carinhoso onde ele acariciava meu cabelo de forma cuidadosa. Ele era um príncipe. Eu estava sonhando?
-Joe... porque você quer uma chance comigo, exatamente?- eu não me contive dessa vez, não consegui. Não me julguem por isso, ok?
-Eu gosto de você- ele disse- Gostei desde o primeiro dia que eu te vi. Além de você ser linda- eu sorri com o elogio- Alguma coisa me chamou a atenção. Não foi apenas...atração- ele deu de ombros- Talvez seja mais especial que isso.
-Também gosto de você- suspirei- Então me beijou porque... gosta de mim? E acha que existe alguma coisa especial nisso tudo?
-Demi, eu... não posso te dizer o que eu sinto por você- ele confessou- Nos conhecemos a muito pouco tempo para garantir alguma coisa. Eu acho que... ainda não é suficiente para eu descobrir isso.
-Tudo bem, vou fazer outra pergunta- eu disse, tentando não mostrar o quão desapontada eu estava. Não era culpa dele, na verdade, o que eu queria? Que depois de dois dias o menino se declarasse para mim? Dizendo que morreria sem o meu amor? Ah, por favor, Demetria- Como ficamos?
-Ficamos assim- ele sorriu me dando um selinho.
-É sério...- ri brevemente.
-Se importa se não... fosse sério, por enquanto, pelo menos?- ele franziu o cenho, esperançoso.
-O fato de "não ser sério" envolve muitas coisas- suspirei.
-Não vou ficar com nenhuma menina enquanto estiver com você- ele me puxou para perto, deitando ao meu lado, circundando minha cintura com seu braço- Serei leal, eu prometo. Também prometo ir com calma- ele beijou minha bochecha delicadamente. Ah, quem podia resistir àquilo? 
-Eu não...- parei antes de completar a frase, pensando no que dizer. Na verdade eu sabia o que dizer, mas estava um pouco apreensiva sobre como explicar a ele.
-Você não quer?- perguntou- Só não quero acabar magoando a mim e a você- justificou-se- Se jogar de cabeça num relacionamento não da certo. A algumas horas você estava com medo de mim- lembrou.
-Concordo que não nos conhecemos direito- disse- O que eu quero dizer é que não sei se vou conseguir avançar com você em uma relação que não é séria- sussurrei um pouco envergonhada. Mas oras, eu já tinha dito que tinha medo dele, havia o beijado, admitido que gostava dele... mais uma confissão não faria mal.
-Não estou pedindo que faça isso- ele disse- Avançar não é uma condição para nada entre nós acontecer. 
Assenti e entendi que a nossa diversão acabava ali. É, tinha durado pouco, mas eu esperaria até ele descobrir o que queria. Mas e eu? O que eu queria?
-Então, me conta como veio parar aqui- pedi, mudando de assunto. Apesar de tudo, ainda continuávamos abraçados.
-Ah, eu sai da fogueira e vim me escondendo pelos corredores- deu de ombros- E é impressionante, porque em dia de fogueira NENHUM monitor fica por aqui, todos se juntam a nós, mas logo hoje, eles resolveram mudar a rotina- revirou os olhos e eu ri.
-Você  é maluco- eu disse, sorridente ao encará-lo.
-Agora só falta você me dizer que gosta de malucos- ele brincou.
-Gosto de malucos- rimos juntos e ele me aconchegou ainda mais em seus braços.
Eu? Ah, eu sentia sim algo por ele. Algo que me dava medo, exatamente por não saber o que era ou temer o que podia ser. Mas ainda estava muito cedo para conclusões precipitadas. O único problema era que, me conhecendo  muito bem, eu sabia que deixaria aquilo rolar. Mesmo que ainda não fosse sério. Eu me renderia a ele.

Continua...
(Fim da maratona)
Acabooou a maratona! Eu ia sim postar o capítulo 9, mas eu acho que quase todo mundo me abandonou aqui :/ Eu entendo o porquê... sei que está tarde e tals.. mas, é isso. Espero que tenham gostado *-*
E chegou o beijoooooo \o\o\o satisfeitos? hahaha
Voltando ao normal... e compensando por terem sumido durante a maratona (sou má u-u)...... 15 comentários para o próximo :)
Marquem o "eu li", hein?! :D
Ah, eu só postei porque já está tarde e a Thalia me ameaçou.... haha brincadeira, ela disse que voltaria a escrever  a fic dela e eu espero que seja verdade u-u

Beijemis,
Brubs <3 Amo vocês.

29 comentários:

  1. AEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE QUE FOFOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO *-* FOI PERFEITOOO FAZ MAIS MARATONAS ! HAHAHAH

    ResponderExcluir
  2. AAAAAAAAA DESCULPA DEMORAR PRA COMENTAR, MINHA MAE TAVA ME MANDANDO IR DORMIR ¬¬'
    TEVE BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO \Õ/
    JA FALEI QUE SUA FIC É VICIANTE?
    JA NÉ? OU NÃO?
    NAO ME LEMBRO
    EU NECESSITO DO PROXIMO CAPITULO
    É TUDO O QUE MAIS QUERO
    SUA FIC É PERFEITA DEMAIS
    POSTA LOGO
    BEIJOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha sem problemas, sei como são as mães... hahaha
      Uhuuuuuul teve beijooooooooooo \o\o\o KKKKKK
      Awwwn obrigada, sua linda, de verdade! *-*
      Beijinhos :3

      Excluir
  3. ameiiii de verdade !!!! está lindooo o momento Jemi

    =))


    posta logooo

    ResponderExcluir
  4. Aaaaaaaaa se beijaram! eu não esperava que o beijo ia acontecer na maratona. Awnnn... Até que enfim uma autora teve compaixão por nós. Kkkkkkkkkk
    O beijo.... Awnnn eu fui lendo e imaginando o joe e a demi.rs Foi muito fofo o cap. Com calma... Rs Ele tá certo. Eles mal se conhecem. Mais entendo a demi.
    Tu não quer fazer outra maratona de uma vez não? Rs VICIEI na fic. Já tô ansiosa pelos proxs caps.
    Desculpa a demora... Eu tô pelo cel. Tá lento e e muito ruim dig.
    Amo rua fic.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahaha eu decidi postar até o beijo, já que estavam loucas por isso lol É... esse negócio de não se conhecerem vai acabar rapidinho, ninguém segura esses dois hihihihi Obrigada, linda! E eu até fazia outra maratona, mas essa fic é curta demais :/ E eu preciso de um tempinho para escrever :s Obrigada mais uma vez <33
      Beijocas!

      Excluir
  5. Ooooi!! Leitora nova chegandoo !! :)
    Primeiramente, que blog lindo... Bem organizado.. E super fofo adorei!
    E eu estou amando essa fic! Eu ia ler as outras, mas sao muitos capitulos e da uma preguiiiiça kkkkk mas eu li a mini fic e adorei.
    Por favor, posta rapido ok?! Ja estou viciadaaaaaa! :) bjos Isabella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, meu comentario vale ne? Nao sou anonima pfvr :c rs

      Excluir
    2. Vale sim, linda! haha aquilo era só para a maratona, não se preocupe! :D
      seja muito bem-vinda!!!! \Õ awwwn obrigada, baby *-*
      Beijinhos <3

      Excluir
  6. Nova leitora aqui.. to simplesmente AMANDO tudo isso!
    Postaa logo pfvr *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwwwn seja bem vinda, amoreco! Obrigadaaaa!!! <3

      Excluir
  7. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA Nem acredito que o beijo finalmente acontenceu *---------------------* Que capitulo mais perfeito. Amei <3333333 Meu Deus eu to cada dia mais viciada nessa fic :DDD Necessito de outro capitulo o mais rapido possivel Brunaaaaa. To morrendo com tanta perfeição :D
    Esse capitulo é o meu preferido da fic até agora, por motivos obvios haha.
    É sério eu nem sei nem como explicar o quanto essa fic é perfeita *--*
    E agora que já saiu o beijo eu to louca pra saber como vai ser essa competição entre os dois. Com certeza eles dois ainda quebraram muitas regras haha.
    Eu vi vc postando os capitulos da maratona, só que eu não comentei, pq eu não posso comentar uma coisa que eu li né. Porque enquanto vc tava postando o capitulo 6 eu ainda tava no 4 kkk sou muito lerda msm kkk e eu tbm gosto de ler as coisas com calma, senão eu ñ entendo nada kkk Mas eu AMEI a maratona, devia fazer mais vezes hahaha.
    Te amo demais Bruna da Bia <3
    Posta Logo, por favor amore *-*
    Beijocas :*****

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA LINDA! Hahahahaha aconteceu \o\o claro, a palavra "regras" não entra no vocabulário do Joe lol KKKKKKKKKKKKKKK minha lerdinha que eu amo demais <333333 Obrigada, coisa fofa :33
      Te amo demais Bia da Bruna u-u
      Beijinhoooos <3

      Excluir
  8. Oh... Que fofo ~Vomitando arco-iris~ há-há. Eu não estava no computador quando você começou a postar. Entrei ontem muita tarde já e não deu para ler. Hoje assim que entrei no computador, tratei de ler TODOS os capítulos da maratona. Amei a maratona.

    Posta logo u.u

    ResponderExcluir
  9. maratona foi simplesmente,PERFEITAAAAAAAAAAAAAAA.
    gostei de mais,principal do beijo.
    jemi e tão lindos juntos <3<3<3<3<3<3<3<3<3<3
    posta logooo.
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAAAAAAAA obrigadaaaaaaaa, sua linda! Claro, o beijo agrada a todos \o\o hihihi *o* Beijinhos

      Excluir
  10. Pera aí, tem outra Thalia por aqui??o.O
    por que eu não to lembrada de ter te ameaçado!kkkkkk
    me desculpa por não ter comentado nos capítulos passados,amore, minha mãe teve uma infecção e foi para no hospital, eu tive que ir pra casa do meu pai e meu irmão menor não me deixou usar o notebook do meu pai hora nenhuma, só fui saber que tinha maratona agora e gastei mais ou menos uma hora e meia lendo TODOS os capítulos atrasados!kkkkk
    Que beijo lindo, que fofo!*-*
    valeu super a pena esperar!!
    E se for eu, a Thalia mencionada acima, eu já estou escrevendo a fic, só não estou postando, na verdade, estou escrevendo três ao mesmo tempo, por isso a demora e por isso eu parei de postar em um blog, mas também quero me organizar mais antes de voltar pra que as minhas leitoras não me abandonem de novo!:/
    Se não for eu, ignora esse comentário idiota!kkkkk
    bjks amore!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É outra Thalia KKKKKKKKKKKKKKKKK oh... melhoras para a sua mãe, do fundo do coração! :) Awn, sem problemas, que isso *-*
      Agora em relação a sua fic, menina, pelo amor de Deus! Que perfeição kcoreubfep eu já deixei um comentário lá e estou esperando pelo próximo ferupgfepfu mas não, não era você a Thalia da ameaça! lol Beijocas e obrigada, linda! <3

      Excluir
  11. brunaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, posta logo sua linda, haha mtmtmtmt pfta essa fic guria, aah, e hj vou voltar a escrever what to do u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA ESCREVEEEEEEEEEEEEEE \o\o\o\o nem acredito que tô lendo isso *o* aaawn muito obrigada, amor! Significa o mundo para mim <3

      Excluir
  12. Tem selo pra você:http://jemi-foreveralways.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. aaaaaaaaaaaaaaah brubs voce é muito máaaaaa.. deixa a gente assim numa hora dessa sem capitulo o.O posta logo mulher

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sou má u-u postei até o beijo para vocês hahahahaha

      Excluir
  14. lindo os capitulos, espero que poste mais hoje

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3