Visualizações

2 de jan de 2013

Chapter 28


Stay Strong


                                                                                         "I'm sorry"


PRIMEIRO POST DE 2013 ~todos pulam e cantam~

-Finalmente_ ele disse, já cansado de apertar tantas vezes um mesmo botão_  Eu te liguei umas... 600 vezes!
-Eu sei_ respondeu obviamente_ Deveria ter imaginado que eu não queria falar com você.
-Disso eu já sabia, Demi. Mas eu precisava que me ouvisse.
-Ah, então você resolveu me procurar depois de terminar comigo dizendo que não me amava e de transar comigo quando te deu vontade?_ perguntou irônica_ Tô vendo que não perdi nada ao não atender o telefone.
-Sim, eu resolvi te procurar_ afirmou calmo_ Porque se eu te conheço bem, você deve estar me achando um completo idiota. Mas se não tentasse falar com você, me acharia um cafajeste.
-Já se passaram dois dias, Joe_ ela suspirou_ Quis tentar falar comigo depois de tanto tempo?
-Tem como você vir aqui?_ ele não respondeu a pergunta dela, não era algo para falar pelo celular_ Pela amizade que nós tínhamos_ pediu_ Aceita me ouvir.
-Eu não sei porque eu vou fazer isso_ murmurou_ Mas eu ainda não aprendi a ficar com raiva de você por muito tempo_ confessou.
-Pena que não é só raiva o que você está sentindo de mim_ respirou fundo_ Estou te esperando_ avisou.
-Tudo bem_ assentiu_ Eu chegou em segundos.
***

-Oi_ ela forçou um sorriso ao entrar no quarto dele, sentindo-se desconfortável por aquilo. Ela mal conseguia encará-lo.
-Oi_ retribuiu, com uma voz péssima, desapontada.

Ambos sentiam-se horríveis pela situação. Ao pensar que se fosse antigamente eles estariam se abraçando e dizendo coisas como "eu te amo", Joe e Demi mal conseguiam conter as lágrimas. A saudade daquele tempo era mais forte do que eles podiam suportar.
Chegava a ser constrangimento o que ela sentia ao falar com ele depois daquela noite, depois de se entregar de uma forma que sabia ser errada.

-O que você tem para me falar?_ ela perguntou, séria_ Apesar de eu não ter nada.
-Senta_ ele pediu. Observou a menina relutante por ficar tão próxima dele e se condenou por isso_ Parece que tem medo de mim, eu não vou fazer nada_ murmurou irritado.
-Não tenho medo de você, idiota_ ela soltou. Fazia tempo que não o chama assim e por segundos sentiu-se normal novamente em relação a tudo entre eles.
-Quando você me chamava de idiota eu sabia que era brincadeira_ sussurrou_ Agora é a mais pura verdade_ afirmou_ Me desculpa_ soltou de uma vez, encarando-a.
-Você sabe que..._ ela riu sem humor.
-Que as minhas desculpas não vão servir para nada?_ interrompeu-a_ Eu sei disso. Mas eu precisava te falar que... que eu me arrependo pelo que eu fiz naquela noite, mas eu sei também que arrependimento não vai apagar tudo o que aconteceu.
-Bom que sabe_ sussurrou seca.
-Mas ao mesmo tempo eu não me arrependo_ confessou.
-É óbvio que não, porque se arrependeria por ter feito algo que queria?_ perguntou calma_ Não te culpo por isso.
-Não me culpa por ter transado com você?_ perguntou surpreso.
-Joe, você não me obrigou a nada e não estava sozinho_ deu de ombros_ Se aconteceu alguma coisa foi porque eu deixei que acontecesse.
-Achei que ficaria com raiva de mim.
-Eu fiquei_ forçou um sorriso_ Mas não porque aconteceu aquilo. Eu também queria, você percebeu isso e só... aproveitou.
-Mas existe uma diferença_ disse_ Você aceitou porque me amava_ suspirou_ Ia muito além de desejo pra você.
-Sim_ assentiu_ Mas... depois eu me dei conta de que já que não seria o mesmo pra você, eu deveria decidir se eu queria ou não. E eu optei por fazer como você.
-De qualquer forma, eu te peço desculpas_ desviou o olhar_ Você sabe porquê_ a menina apenas assentiu. Por causa de COMO tinha acontecido.
-Posso perguntar porque você não se arrependeu?_ arriscou.
-Porque eu... eu preciso te dizer uma coisa_ fez careta_ Eu não tentei fala com você durante esses dois dias porque eu pensei muito. Muito mesmo, pra não te magoar de novo, para não me confundir.
-O que..._ ela começou confusa. Não podia ser aquilo que pensava.

"It can be a rush
Yeah it's like a drug
When you give up love, it's never worth it
When you're fighting fear, it can be so bitter"

-Eu te amo_ ele sussurrou_ Não estava errado sobre nada quando terminei com você. Eu me confundi ao achar que não correspondia ao seu amor, da mesma forma que você fazia.
-Só pode ser brincadeira_ revirou os olhos, rindo sem humor.
-Demi... eu sei que te magoei, por tudo que eu disse e fiz, mas eu descobri que na verdade eu sou completamente apaixonado por você. Nada daquilo era fingimento, eu realmente sentia cada palavra que estava dizendo.
-Quando descobriu isso?
-Quando eu vi você com aquele garoto lá na escola e percebi que morria de ciúmes, e que não era só porque ele estava tomando o meu lugar de melhor amigo.
-Ele não tomou o seu lugar_ garantiu.
-Porque eu já tinha perdido, não era mais meu, tudo bem_ ele suspirou.
-Não é isso_ ela disse, fazendo-o fixar seu olhar no dela_ Ninguém seria capaz disso. Mas não tente me dizer que me ama só porque se sente mal pelo que aconteceu na festa da Miley.
-Não é por causa disso. Quando tudo aquilo aconteceu eu queria você, mais do que qualquer outra coisa. Eu não entendia porque, mas não estava com vontade de ficar com ninguém que não fosse você. Não queria ninguém.
-Você decidiu se divertir e me escolheu. Eu entendi essa parte.

"What you really need is each other
But I finally found the truth
I was using you
Every night you're gonna swear it hurts"

-Não, Demi!_ negou_ Eu desejava ter você só para mim, mas não era  só desejo, não era por prazer! Eu transei com você porque te amava e sentia falta daquilo_ admitiu.
-Pena que você demorou tanto para descobrir isso_ deu de ombros_ Escuta, eu não estou chateada por ter sido usada, nenhuma das vezes. Agora por favor, não me engane de novo.
-O que eu posso fazer pra te mostrar que eu estou arrependido?_ perguntou, com um sussurrou_ Não quero te enganar, muito menos te usar_afirmou.
-Você pode parar de fingir que me ama_ ela disse_ Já é um começo, parar de mentir sobre o que você acha que sente, parar de enganar a si mesmo e depois me falar isso.
-Eu confesso que eu te usei. Você se sentiu usada e tinha razão. Não foi por mal, não foi a minha intenção. Eu não te usei porque sabia o que estava fazendo. Naquela época talvez eu realmente não tivesse percebido ainda o quão importante você é.
-E agora você percebeu?_ perguntou irônica_ Joe, eu estou cheia de gente fingindo sentir por mim o que na verdade querem sentir. Você está só pensando novamente que me ama da forma que eu faço.
-Não! Não é isso! Por favor, Demi... deixa ser diferente agora_ pediu_ Por tudo que já aconteceu entre a gente, pela nossa amizade.
-Não acha que já abalou muito a amizade? Não coloque isso no meio, porque aquele sentimento era real e puro. Diferente desse.
-Porque não acredita em mim?
-Porque você já me disse isso uma vez, um "eu te amo" no qual eu acreditei! Você estava errado e por mais que só quisesse o meu bem, me machucou!
-Se eu pudesse, não teria te dito metade das coisas que eu disse.
-Não estou magoada por conta do que aconteceu, por você ter se enganado_ afirmou_ Eu só não consigo mais olhar para você e ver o meu melhor amigo. Não consigo falar com você, estar perto e ao mesmo tempo me sentir confortável de novo.
-Mas quando foi que isso aconteceu, Demi? Quando a nossa amizade se tornou isso?_ questionou.
-Quando decidiu arriscar_ afirmou_ Quando disse que me amava, que havia pensado sobre tudo_ disse_ Da mesma forma que está fazendo agora.
-Não tem nada que eu possa fazer? Eu te amo, Demi. Me da outra chance_ pediu, implorando.
-Não quero sair magoada de novo, eu não quero me iludir_ sussurrou agoniada.
-Você não vai_ afirmou_ Eu tenho certeza do que eu sinto por você.
-Desculpa, mas eu não consigo mais acreditar_ levantou-se calmamente da cama.

"You're the atmosphere
Now you're gone I can't live
Tell me what to do
I feel the pain all over my body"

-Você é tudo pra mim_  segurou as mãos dela_ Eu juro, eu não sou nada sem você, Demi. Você já teve dúvidas de como você é a pessoa mais importante pra mim?
-Não_ sussurrou_ Mas agora eu tenho.
-E quando você me disse que não precisava de mais provas do meu amor por você? Você disse que acreditava no que eu sentia.
-E eu acredito que me ame_ disse calmamente_ Mas não do jeito que você está pensando. Eu nunca duvidei, não mesmo. Exatamente por causa de tudo que já fez por mim. Cada coisa.
-Então porque não acreditar agora?
-Porque de uma hora para a outra as coisas viraram de cabeça para baixo_ disse nervosa_ Eu não tinha sido enganada pelo que você sentia, mas agora é muito difícil acreditar.

"Was it the things I said?
Can I take them back?
Baby, cause without you there's nothing left of me
We could run away
We could change our fate
Baby, what can I do to show you I'm sorry?"

-Você não pode simplesmente ignorar tudo que eu sinto, Demi_ ele disse_ Eu não ignorei o que você sentia.
-Joe, eu te amo_ ela sussurrou_ Você sabe disso! Mas o que eu posso fazer se uma parte de mim não quer ser entregue de novo? Pra mim já deu, eu não preciso mais disso, não preciso mais de você, do seu amor. Eu sei viver sem isso.

"You were in a rush
You forgot yourself
Said you had enough, now I feel worthless
The only thing I had was a second chance
What I really need is another"

-Você sabe? Porque eu nunca vou descobrir como fazer isso sozinho.
-Pois acredite, não preciso mais e não quero. Não quero depender novamente de alguém. Porque antes, quando eu disse que viveria a minha vida, cheguei a pensar que seria impossível. Mas agora eu vejo que consegui.
-Conseguiu esquecer tudo que aconteceu entre nós? Como, se você diz que ainda me ama?
-Infelizmente nós não escolhemos a quem amar_ sussurrou_ Eu já te disse que é impossível esquecer isso tudo, esquecer você. Mas eu só preciso deixar isso virar passado. Viver o presente.

"Throw it away, girl my heart is out of place
This feeling is killing me
Girl I promise I won't make the same mistakes
Don't say 'bye'"

-Eu não vou cometer os mesmos erros  de novo_ afirmou_ Por favor, me da uma chance de provar que eu te amo do mesmo jeito que você me ama.
-Não_ negou decidida_ Eu não quero. Não preciso mais de você. O que passou passou. E eu espero que você faça o mesmo.

"Sorry baby
What can I do to show you I'm sorry?"

Continua...
Olá!! Então, como foi a virada do ano de vocês? Espero que tenham começado 2013 muito bem *-* Gente, gostaram? Poxa, nem 10 comentários eu ganhei :( Mas resolvi postar mesmo assim :) Serão 32 capítulos mais o epílogo. É, está acabando :/ Nem preciso dizer que amei a música, né? Estava esperando ansiosamente para usá-la, eu amo demais! hahaha :P Ah, preciso compartilhar uma coisa com vocês, eu fechei o arquivo de 2012 com exatas 200 postagens! \O haha é isso, comentem ok? Amo vocês! <3

Mil beijocas,
Bruna *o*

24 comentários:

  1. Oh, que triste :( Pensei que a Demi fosse perdoa-lo.
    Feliz ano novo (atrasado)! *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom... falta bem pouquinho para a fic acabar, e ela vai perdoá-lo, porém mais para frente ;) Feliz ano novo, meu amor! :D

      Excluir
  2. o meu deus,que capitulo,mais lindo,
    chorei absurdos,ainda tava acompanhando
    a letra com a música,muito perfeito,
    cada palavra desse capitulo,combinou
    perfeitamente com a música.
    já começou com 2013 arrasando.
    posta logoooooooooooo,
    beijos >.<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn obrigada!! Não é? Essa música faz qualquer um chorar hahaha que linda! *-* Beijinhos!

      Excluir
  3. ainda nao acredito que esta acabando :(
    espero que jemi se entenda logo
    posta logo
    beijos

    feliz ano novo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... eu não quis prolongar muito :/ Eles vão se entender... só vai demorar um pouquinho ainda, bem pouco, porque ta acabando :( Feliz ano novo, amore! <3

      Excluir
  4. Bruuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuubs! :D OI! hhahahaha
    menina, eu meio que sabia que isso ia acontecer... .-. mas o que o Joe esperava? que depois de tudo, era só ele falar "Ah, desculpa, eu me enganei, fodi com seu coração a toa, volta pra mim?" ¬¬' ???? não né?! A Demi tá certíssima de não dá uma chance a ele agora, ele tem que sofrer um pouco tbm! u.u tô meio perversa né?! :/ mas é que essas coisas me deixam com raiva :| sabe, acredito que foi isso que aconteceu entre a Demi e o Joe na vida real? :( mas espero que eles se acertem um dia! :( enfim... capítulo lindo, meu bem! <333 perfeito como sempre! Muito bom começar o ano lendo sua fic :D hehehe ansiosa demais para o próximo capítulo!! Posta logo, meu bem! :D

    Bjs! :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Saaaaaaammy!!! KKKKKKKKKK verdade, verdade... mas tadinho, ele a ama mesmo ... :P Eu também tenho essas desconfianças, de que foi isso que aconteceu :( Espero também! Obrigada, linda!!!!!!! <3333

      Excluir
  5. Fiquei agoniada lendo lakslakskalaka preciso deles dois juntos ): enfim, li todas suas fics em 2 dias, viciei!! Sou nova aqui nos comentarios porem prometo comentar sempre hehehe
    Bjs, bárbara.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Owwwnt *-* Que amor! haha que bom que gostou, linda! Fico muito feliz, de verdade :^D hehehe obrigada!!!

      Beijinhos!

      Excluir
  6. Poxa Demi eu sei que tu tem medo mas da uma chance pro cara ele fofo gatinho e é bom pra tu e de quebra ainda te ama hihihi ~~olha ai minha propaganda do Joe~~
    Bom capitulo Perfeito *---*
    Posta logooo
    Beijokas!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha né?! Mas calma, vai dar tudo certo! :)Obrigada, linda!!

      Beijocas! *o*

      Excluir
  7. Gostei de v!! Joe mereceu td q a Demi disse. Ele faz merda e ainda quer uma chance? Ele tá merecendo um gelo por um tempo... (revoltei) Tem q sentir falta não só da amiga, mais sim da garota q ele diz tá apaixonado e lutar pra reconquistar a confiança e amor dela. (QUERO Q ELE MORRA DE CIÚMES!! rsrsrs)

    Posta logoooooo pleaseeeeeeeeeeeeeeeee

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha vocês são malvados às vezes... lol ele sente falta, da amiga e da namorada também e logo logo ela entenderá! *-* Nem vai dar pra ele morrer de ciúmes :/ Enfim... obrigada!! :D

      Excluir
  8. Nãããããããão Demi VOCÊ PRECISA DO JOE SIM D:
    Ta que eu tava um pouquinho revoltada com o Joe mas NÃO ELES PRECISAM FICAR JUNTOS DE NOVO :'(
    Hey Feliz 2013 um pouquinho atrasado huahsuahsau :D
    Posta maaaaaais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha vão ficar, só mais um pouco de calma! ;-) Feliz ano novo, meu amor! haha :D

      Excluir
  9. Bruna, my baby! <3
    Me deu uma agonia enquanto lia o capítulo que meu Deus! :( dlsakdslf A Demi precisa do Joe, mas é difícil perdoar depois de tudo que ele fez! Ele tem que sofrer um pouquinho para saber como ela está sentindo! Mas, espero que eles voltem logo!! :D
    Posta logo!
    Beijos, te amo! <3 Miss you! :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Babyyyy! Verdade... é difícil mas poxa... ela vai entender que independente de tudo que ele fez, ele a ama :D Te amo, linda! Queria falar mais com você :( Beijocas, linda <3

      Excluir
  10. Hey! Desculpa pelo sumisso mas é que tava viajando :S me atualizei na fic durante a madrugada e MEU DEUS!!! :o quanta coisa aconteceu!! Perfeição define essa fic, pena que tá acabando :( Posta logo e feliz ano novo atrasado kkk :D

    Beijos, Thaís.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hey! Sem problemas, linda! Hahaha ownt, é uma pena mesmo que esteja acabando, até pra mim, mas muito obrigada, meu amor! *---* Feliz ano novo atrasado também hehehe Beijinhos <3

      Excluir
  11. hey! follower 101 right here! LOL
    Tu podería divulgar o Project T.L.? seria um grande favor, agradeço de coração!

    li o cap., claro, boiei em bastante coisa, pois nao peguei a fic desde o inicio, mas posso te dizer com a maior certeza do mundo que tu escreve bem demaaais da conta! hahah e também posse dizer que me atualizarei na fic, e entao poderei acompanhar as postagens certinho, antes que termine de posta-las ! hahah, as intrigas da hist. me conquistaram !
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMG! *o* que linda gotnbpgibvdnbgvju0gre Olha, eu divulgo sim, sem problemas, mas que projeto?! '-' haha
      Awwwn muito obrigada, meu amor! Ah, se gostou, lê desde o começo, que aí você entende melhor! \O hehe que bom, fico muito feliz que tenha gostado bgfvbrjbjbvgfobgrw *-*
      Bom, me diz aí qual o projeto que eu divulgo ;) Obrigada e beijocas!

      Excluir
  12. flor descobri seu blog hoje e estou amando !!! *_*
    posta logo pleace!!!!!!!

    se puder divulga meu blog ?
    voltaparamimmissao.blogspot.com

    obrigada :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwn linda, obrigada!! Divulgo sim, baby! *-*

      Excluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3