Visualizações

29 de jan de 2013

14- Armário.


Love is everywhere:
Camp's love
(1ª temporada)

(I don't own anything in this pic)


Joe on:
-Talvez isso se chame saudades- Mikey sorriu, dizendo o que eu já esperava ouvir.
Hoje era o último dia da competição e eu já estava morrendo de saudades dela. Bom, querem saber como começou a conversa? Eu apenas resmunguei um "não sei o que estou sentindo". Aí Mikey veio com a resposta mais óbvia. É  claro que eu queria Demi ao meu lado, sempre.
Queria planejar alguma coisa para nós e apenas decidi que não passaria mais um dia longe dela, muito menos me encontrando as escondidas. Segui até seu quarto e entrei sem bater. A porta estava aberta, então ela provavelmente não estava fazendo nada... particular. Ah, mas ela estava. 
Provavelmente não percebeu quando eu entrei, porque ela estava muito ocupada ao telefone. Seria normal, se ela não estivesse sentada na cama, de um jeito largado, com um short minúsculo- o que já me deixava meio maluco- e apenas de sutiã. Era demais para mim.

-Eu juro que vir para esse acampamento foi a melhor coisa que já aconteceu na minha vida- ela disse, sorridente- Porque você sempre associa a minha felicidade à algum garoto, Selena?- perguntou. Imaginei que deveria ser uma amiga- Mas sim, eu estou namorando e ele é perfeito- suspirou. O sorriso nem cabia mais no meu rosto.
-Quer dizer que eu sou perfeito?- perguntei brincalhão, após esperá-la terminar a conversa.
-Joe?!- ela se virou, arregalando os olhos- O que... vira pra lá, ficou maluco?- perguntou rapidamente. Eu apenas ri e me aproximei mais.
-Achei que não tivesse problemas para entrar no quarto da minha namorada- dei de ombros, me sentando ao seu lado e puxando-a pela nuca para um beijo calmo.
-Mas isso muda quando a sua namorada está apenas usando isso- ela apontou para o sutiã, mas admito, só prestei atenção nos seios. Cara, eu não tenho culpa!- NÃO! Não olha! Meu Deus, onde eu enfiei todo o meu juízo?- perguntou a si mesma. 
-Continua sendo minha namorada, certo? Não importa a forma como está vestida- eu disse, sorrindo calmamente.
-Ah, por favor- revirou os olhos.
-Escuta, isso não se trata de juízo, tá?- ri de como ela tentava se esconder e me fazer sair dali- Se trata de confiança.
-Confio em você- ela respondeu com rapidez, como se fosse óbvio demais. Lancei um olhar duvidoso e ela abaixou a cabeça, sorrindo tímida- É sério- voltou a me encarar, séria.
-Tudo bem- sorri e me inclinei sobre ela, beijando-a propositalmente de uma forma como eu nunca havia feito antes. Eu apenas queria saber se deveria acreditar. Deslizei minha mão, alisando sua pele e subindo por sua barriga. Ela recuou um pouco e eu apenas ri, me afastando, sem prolongar mais aquilo- Você não confia em mim- concluí.
-Não me faz provar- pediu, manhosa.
-Porque?- questionei, realmente curioso. Percebi que ela ficava mais incomodada a cada palavra que eu dizia, então não esperei muito tempo para uma resposta- Como eu posso ter certeza?- modifiquei a pergunta, sorrindo, com o intuito de passar tranquilidade a ela.
-Se não confiasse, não estaria aqui- respondeu séria.
-Eu não ia te fazer provar nada, tá?- acariciei seu rosto- Era uma brincadeira.
-Algumas brincadeiras não funcionam comigo- respirou fundo, desviando o olhar.
-Eu já entendi qual o tipo que não funciona com você- percebi que ela estava ficando tensa- Fica tranquila, eu vou parar- eu não ia falar mais sobre esse assunto. Se ela não queria, quem era eu para forçá-la?
-Então, porque veio aqui?- perguntou, forçando um sorriso.
-Queria ter certeza de que não iria para competição hoje- disse- Podemos passar o dia juntos. Ou melhor, vamos.
-E onde está aquele Joe "líder"?- brincou, se aproximando mais e se aninhando em meu colo.
-Está bem aqui, mas hoje eu resolvi deixar meu grupo de lado, por algo muito mais importante...- encarei-a sorrindo.
Demi sorriu e jogou seus braços ao redor do meu pescoço, selando nossos lábios e automaticamente caindo sobre mim. Sorri entre o beijo que começava, segurando sua cintura. 
Como eu conseguia ficar mais maluco por ela a cada segundo? Não era porque ela estava vestida dessa maneira, eu sempre tinha pensamentos impróprios relacionados a ela. Mas tá, eram só  pensamentos, que eu ainda guardava para mim. Vamos ser sensatos, ninguém consegue se manter inocente por muito tempo quando se tem Demi por perto. Ela é um pedaço de mal caminho. Mas eu ainda me controlava, não sei como.
-Essas cortinas estão bem fechadas?- ela se afastou, encarando a janela- E a porta, você trancou?- eu assenti- Estamos mortos se alguém nos ver aqui.
-Não tem nada que eu não possa dar um jeitinho- brinquei, piscando.
-Sério, quebrar regras nunca foi a minha praia- ela afirmou, saindo de cima de mim. Mas eu, como sou muito esperto, segurei sua mão, a impedindo.
-Você não vive se continuar presa à tudo que eles impõem- comentei.
-Tá, mas eu não quero precisar do seu "jeitinho", não quero causar má impressão aos seus pais- fez uma careta.
-Acredite, aconteça o que acontecer, meus pais saberão que foi ideia minha- rimos juntos- Vai, deixa disso- pedi- Vim aqui porque queria te ver.
-Estava com saudades de você- ela sorriu, deitando a cabeça em meu peito.
-Eu também, linda- sussurrei acariciando seu cabelo e ela levantou o olhar, sorrindo- Ah, para quem você disse que eu sou perfeito?- perguntei curioso.
-Amiga minha, Selena- ela riu- Não estava nos meus planos você ouvir.
-Mais cuidado com o que você fala então...- avisei, me aproximando se seu ouvido- Porque eu ouço tudo.
-Qual foi o real motivo pelo qual veio aqui?- ela perguntou, sorrindo.
-Seus beijos- respondi pensativo.
-Só veio porque queria me ver, sério?- ergueu a sobrancelha e eu apenas assenti.
-Você é uma pessoa carente, Demi?- questionei. Ela não esperava pela pergunta. Mas também, eu pareço mesmo meio maluco às vezes. Deveria ter explicado antes.
-Porque a pergunta?
-Você não costuma receber carinho não?- ela apenas riu com a pergunta, confusa.
-Sabe, eu... não- disse por fim.
-Mas que tipo de namorados você tinha?- ela riu novamente. Eu estava bem chocado. Como alguém pode não dar carinho a algo tão frágil?
-Nenhum como você, acredite. Decepções amorosas são bem comuns para mim, por mais que isso me mate por dentro- deu de ombros- Foi por isso que eu resisti no começo... eu tinha medo.
-Eu não vou fazer nada que possa te magoar, eu prometo- eu afirmei- E sério, se eu encontrar com algum desses idiotas, não queira saber o que pode acontecer- ela sorriu.
-Acho que encontrar com eles pode ser um pouco impossível- murmurou-  E bem, eu sou carente sim- riu sem humor.
Sorri e puxei-a pela nuca. Começamos um beijo calmo e apaixonado e eu continuava acariciando seu rosto. Se ela era carente, eu mudaria isso com facilidade. Se tinha uma coisa que eu amava era ficar com Demi, beijá-la, abraçá-la... amá-la.
-Olá!- ouvimos uma voz, acompanhada por batidas na porta- Posso entrar? Serviço de quarto- a mulher cantarolou. Era engraçado como todos aqui amavam seus trabalhos.
Nos separamos e eu tapei a boca de Demi rapidamente. Ela queria se afastar a qualquer custo, mas entendeu, depois de algum tempo, que levantar e colocar uma blusa não ia mudar o fato de que eu estava ali, o que não era permitido.
-Tudo bem, acho que posso entrar- ela disse, animada. É, ela tinha a chave do quarto.
-Shiii- eu pedi silêncio a Demi e segurei sua mão, levando-a para dentro do armário. O lugar mais próximo que eu achei. Além disso, era beeeeem espaçoso. Vantagens do meu pai não ter economizado um centavo ao construir os quartos.
-O que vamos fazer agora?- ela sussurrou.
-Esperar- respondi obviamente- Ela não deve demorar muito.
-Mas... -não a deixei terminar. Peguei-a pela cintura e colei nossos corpos, enterrando minha cabeça em seu pescoço.
-Mas isso não quer dizer que não possamos esperar de um jeito mais divertido- sussurrei, levando meus lábios à sua orelha.
-Dentro de um armário?- ela questionou, mexendo em meu cabelo.
-Experiências novas são sempre bem-vindas- mordisquei sua orelha, sorrindo.
Nos envolvemos em um beijo intenso, porém tranquilo. Eu estava afim de explorá-la, senti-la com calma e cuidado, sentir cada pedaço de seu corpo já que a tinha em minhas mãos. Eu ia aproveitar aquele momento, um momento onde Demi estava usando um sutiã preto de renda e um short de dormir que cobria uma parte muito pequena de sua coxa. Concluindo, um momento maravilhoso e único.
Alisei suas costas, trazendo-a cada vez mais para perto. Aproveitando que o lugar não era assim tão grande, eu fazia com que a distância entre nós diminuísse a cada toque. 
Demi segurou minha nuca, como se fosse possível aproximar nossos rostos mais ainda. Encurralei-a com toda vontade contra uma prateleira e rimos em meio ao beijo. Continuamos assim por algum tempo, enquanto ouvíamos a moça que limpava o quarto cantar uma música desconhecida. Observei-a sorrir enquanto eu acariciava a lateral descoberta de seu corpo e era como ela derretesse em meus braços a cada segundo em que meus dedos tocavam sua pele quente.
Desci meus beijos molhados para seu pescoço, sentindo seu corpo estremecer quando minha língua tocou sua nuca, abaixo de sua orelha. Deixei minhas mãos vagarem por seu corpo até chegarem em sua coxa. 
-Sou seu namorado- eu disse- Dá um desconto, vai?!- pedi e ela sorriu.
-Você está se aproveitando da situação- brincou, descansando sua mão em meu peito.
-Desculpa, mas você vestida assim é demais pra mim- afirmei e ela escondeu o rosto em meu peito, para que sua risada não pudesse ser ouvida- Sutiã e shortinho?
-Você invadiu meu quarto- acusou.
-Você deixou a porta aberta- retruquei- Melhor eu entrar do que alguma outra pessoa.
Calei-a com outro beijo, antes que ela pudesse falar mais alguma coisa. Acariciei sua perna com meu polegar e, eu não imaginava ser possível, mas mesmo com aquele tamanho, eu consegui deixar o short ainda menor ao mover minhas mãos.
Beijei seu colo e depositei minha mão em sua barriga. Respirávamos com dificuldade conforme eu acariciava seu corpo com delicadeza.
-Eu acho que ela já saiu- Demi sussurrou. Bom, se ela tirou essa conclusão porque a moça havia parado de cantar, então não quisera interromper o momento antes. Porque eu já ouvia silêncio a muito tempo atrás.
-Podemos ficar até ter certeza?- sugeri e ela me lançou um olhar engraçado, antes de revirar os olhos- Por favor, tá tão bom- sussurrei, juntando nossos lábios outra vez.
-Nada nos impede de fazer no quarto o que estamos fazendo dentro do armário- ela deu de ombros, e eu só consegui rir. Também, se tivesse mesmo alguém ali ainda, já teria nos ouvido. 
-Você é engraçada- eu disse, sentindo nossas mãos juntas- E surpreendente- ela riu, murmurando um "sou esperta".
Abriu a porta e me puxou, sorrindente. Até parece que lá dentro estava desconfortável ou ruim.
-Livres novamente!- ela jogou seus braços ao redor do meu pescoço, empolgada enquanto nos beijávamos novamente. Acho que ela tropeçou em seus próprios pés, porque caímos juntos na cama desajeitadamente de uma hora para a outra- Eu disse que era desastrada.


Continua...
Avisando, o hot é mais para a frente... aguentem mais um pouco, porque como eu disse, essa fic é pequena e a 1ª temporada não vai demorar para acabar.
Gostaram?? Bom, eu amo esse capítulo, acho que é o meu favorito *-* hahaha
15 para o próximo, ok? Volto aqui para responder os comentários ;)
Marquem o "eu li" \o\o

Beijinhos,
Brubs <3 Amo vocês!

17 comentários:

  1. EU JURAVA QUE IA ACONTECER DENTRO DO ARMARIO
    MAS QUE CAPITULO FOI ESSE, MEU DEUS? :O
    MUITA PERFEIÇAO ISSO SIM
    POSTA LOGO

    ResponderExcluir
  2. Aaaaah q perfeitooo, AMEI! XD desculpa n ter comentado nos ultimos 2 cap. é q eu estava viajando... mas estão todos perfeitos haha Posta logooo...

    ResponderExcluir
  3. eu também pensei que iria acontecer no armário,
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk,
    ficou perfeitoooo,posta logooooooo,beijos >.<

    ResponderExcluir
  4. Adoravel.... muito lindos....Posta Logo

    ResponderExcluir
  5. Ahhhhh meu Deus, eu pensei que seria no armario pooooxaa!! Ahh vai demorar muito?? Kkkk (pfvr nao sou tarada!)
    Esse capitulo com certeza foi muito fofo eu adorei..
    A Demi so de sutia e shortinho... O joe pira! Kkkkkk
    A fic ta a+ muita perfeiçao serio!!! <3 <3 Parabens! Beijos...

    ResponderExcluir
  6. Nossa q lindo esse capitulo adorei :*) muuuito cute!! posta logo beijss
    ass: dora

    ResponderExcluir
  7. hhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhuuuuummmmmmmmmmm seus safadÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊnhooooooooos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    to adorando posta logo =)

    ResponderExcluir
  8. Hmmmmmmmmm safadinhos ;) Já disse que amo a safadeza do Joe? pois é eu AMO.
    E nesse capitulo especialmente. E a Demi tbm não resisti ao Joe né, mas tbm quem restiria kkkk
    Amei esse capitulo. É um dos meus preferidos com certeza.
    To adorando esse jeito do Joe com a Demi, tomara que role o hot logo 66' kkkk
    Fanfiction muito mais que perfeita Bruna *-* To adorando ela <3
    Quero outro capitulo logo baby :)
    Posta Logo
    Beijos :*
    Love you <33

    ResponderExcluir
  9. wowww por pouco o Joe não é pego no quarto. Mas o que foi isso no armário, jurei que ia ter hot agora! Esse capítulo foi definitivamente QUENTE DHASUHDUASHI
    Posta mais :D

    ResponderExcluir
  10. PERFEITO!!!! Quando chegar a parte HOT, faz com que ela seja virgem, o nervosismo dela e a preocupação e cuidado dele vão deixar o capitulo bastante envolvente (nao que os outros nao sejam, todos sao rs), faz que nem naquela outra fic sua, que ela perde a virgindade com ele, eu li aquele capitulo umas 30 vezes. Enfim, ta tudo perfeito! E posta logo

    ResponderExcluir
  11. melhor fic jemi que eu já li. Posta looooooogo

    ResponderExcluir
  12. e se eu te disser que leio pelo menos um capitulo dessa fic (repetido, pq já li todos até agora) antes de dormir? É muito boa, parabéns, sério

    ResponderExcluir
  13. uma palavra define sua fic: FANTÁSTICA

    ResponderExcluir
  14. aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah
    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah
    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah
    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaah que P-E-R-F-E-I-T-O *_*
    posta logo logo Brubs por favorzinho

    ResponderExcluir
  15. cara, eu podia apostar meus dedinhos que iria acontecer dentro do armário, mas não foi dessa vez, mas mesmo assim, ficou cute!*-*
    bjks
    posta logo, heim?!kkk

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3