Visualizações

9 de nov de 2012

Chapter 9


Stay Strong

                                                                   "That's why I love you."


-Olha o que eu trouxe_ ele disse sapeca, mostrando o objeto metálico para a menina. Demi demorou um pouco para identificá-lo e não pode deixar de demonstrar o susto observá-lo mais de perto.
-Porque está me mostrando um canivete?_ ela perguntou, se afastando um pouco. Por algum motivo, ele parecia empolgado por causa disso.
-Calma, meu amor, assim parece que eu sou um assassino_ O.o_ Pronto, já está longe de você_ afirmou, colocando-o no lado oposto de onde Demi estava.
-Ta, mas... isso não explica nada_ riu, espantada.
-Vem cá_ o menino riu, levantando-se e estendendo a mão para que ela fizesse o mesmo. Com aquele sorriso presunçoso no rosto, ela podia jurar que ele aprontava alguma.
-Legal, uma árvore_ ela sorriu, irônica_ Muito bonita, velha..._ continuou com o tom brincalhão. Realmente não entendia o porquê de estarem parados ali em frente.
-Não imagina mesmo o que eu vou fazer?_ questionou, desapontado, com uma cara engraçada_ Eu confesso que tive essa ideia hoje mais cedo, só que não tinha o canivete comigo e queria que você estivesse aqui.
-Não imagino muitas coisas que possam ser feitas com uma árvore_ ela prosseguiu_ Mas...
-Sempre lerda_ revirou os olhos, colocando o canivete na mão.

Joe 
&
Demi
"Forever and Always"

Foi o que ele escreveu ali, deixando a marca daquele amor.
-É pra deixar grafado que nada nos separará_ ele sorriu na direção dela, ao terminar seu trabalho.
A menina pegou o objeto da não dele e desenhou um pequeno coração ao lado. Agora sim, o amor daqueles dois estava definitivamente exposto para quem quer que fosse ver.
-Sempre que eu vier aqui, vou me lembrar do dia mais feliz da minha vida. Vou lembrar de você_ ela sussurrou, sorrindo_ Legal, tenho meu nome em uma árvore.
-É pra deixar bem claro que eu te amo_ ele riu enquanto falava_ E que eu nunca vou te deixar. Para sempre e sempre.
-Nosso compromisso está selado_ a menina disse em tom cordial, engraçado_ Para sempre e sempre_ repetiu a frase vinda dele.
-Podemos selar de outro jeito_ beijou o canto da boca da menina, demostrando da melhor forma possível o que significavam aqueles dois nomes.

Amor.

***
-Joe.... sabe no que eu tava pensando?_ perguntou ela, pensativa.
-Bem... eu te conheço bem, mas ainda não consigo adivinhar esse tipo de coisa_ riu entretido enquanto brincava com o cabelo da menina, deitada em seu colo.

A menina sorriu, ajeitando-se na cama. Não estava cansada, pelo contrário, poderia ficar a noite toda de olhos abertos e bem atentos em Joe. Se no começo do dia ela achava que seria difícil chegar até o final, agora ela percebia que estava completamente errada. A caminhada fez bem a ela, fez bem ao seu coração. Não haviam ficado por lá durante muito tempo, mas fora tempo suficiente para tornar aquele dia mais especial impossível. Passou por momentos memoráveis, algo que não sentia a muito tempo.
Agora estavam os dois, largados de um jeito qualquer na cama do menino.

-Você... terminou com a Lucy?
-Que pergunta_ ele riu_ Tinha até esquecido desse assunto..._ deu de ombros_ Não, não terminei com ela.
-Joseph!_ Demi deu-lhe um tapa no braço.
-Ei, porque essa agressão toda?_ riu abraçando-a_ Ela terminou comigo, boba.
-Ufa, que alívio_ ela suspirou, sem evitar aquele sorriso. Mas tinha uma coisa que ela precisava saber_ Você tentou se explicar a ela?
-Não, eu não falei nada. Eu estava confuso mas mesmo assim sabia que não era certo continuar com ela. O que eu sentia pela Lucy não era uma coisa muito verdadeira, não era forte.
-Ela deve estar péssima...
-Desde quando tem pena da Lucy?_ O.o ele riu.
-Não tenho_ piscou_ Mas imagino. Você é um garoto incrível. Não existe ninguém como você_ ele sorriu ao ouvir isso_ E se fosse eu no lugar dela...
-Ô Demi, a culpa foi sua, tá?_ ele lembrou_ Nem vem com essa de "se fosse eu..."-U.u. Ela riu e depois o encarou_ Brincadeira, linda_ deu um beijinho nela.
-Olha o que eu fiz... _ ela balançou a cabeça_ Essa foi péssima, né?
-Sim, foi_ riram juntos_ Mas foi bom. Ela sabia que não era mais verdade aquilo. Quando encontrei com ela você já tinha me dito tudo aquilo e quando ela terminou comigo eu preferi levar numa boa.
-De nada, Joe_ ela mostrou a língua, sorridente_ Ela sabe que nós estamos juntos?
-Não... ninguém sabe_ riu e a menina levou a mão até a testa, sentindo-se idiota pela própria pergunta. Como alguém poderia saber?
-É que o dia foi tão bom... tanta coisa aconteceu que eu nem me toquei que tudo mudou hoje_ sorriu_ Eu me sinto meio mal por isso, mas no fundo gostei de ter te beijado na frente da Lucy. Eu me senti... um pouco superior a ela, coisa que eu queria, no fundo.
-Eu te disse que você sempre foi mais importante. Eu sempre te amei mais. O que eu sentia pela Lucy era... outra coisa_ deu de ombros_ Ela falou "Agora você é livre pra correr para a sua melhor amiga"_ imitou a voz chatinha dela, Demi riu_ No final das contas, foi o que eu fiz_ riram juntos.
-Menino esperto_ U.u.
-Menina convencida_ U.u.
-Eu só achei que amasse ela... por tudo que disse.
-Eu me sentia na obrigação de achar que amava. Eu precisava dizer isso a ela, não sei porque. Era uma forma também de convencer a mim mesmo de que eu realmente sentia aquilo.
-Eu te amo.
-Eu também te amo.
***

"Lucky I'm in love with my best friend"

-Tenho muita sorte_ ela sussurrou, abraçada a ele_ Se apaixonar pelo melhor amigo torna as coisas mais fáceis.
-Eu tenho a impressão de que isso sempre acontece_ riu_ Sabe? A gente passa muito tempo juntos, acabamos nos acostumando com a companhia do outro. Eu também tenho muita sorte em ter você, anjo.
-Lembra de quando você me disse que eu ia achar a pessoa certa?_ ela perguntou, depois de algum tempo_ Eu já tinha achado e nem sabia...
-Eu te amava e também não sabia, estamos quites_ sorriu_ Ah, vendo você assim, deitada aqui, eu lembrei que você adorava pensar em como ia fazer ciúmes na Lucy_ ela soltou uma gargalhada_ Mas agora dormir com você é muito melhor do que com ela.
-Eu achei que já fosse_ U.u.
-Era diferente..._ sorriu sapeca, beijando a menina.
-Porque, hein?
-Porque... agora eu posso fazer outras coisas_ riu, trazendo-a mais para perto_ Você parece mesmo um anjinho, sabia?
-Eu nunca entendi porque me chamava assim_ ela disse_ Eu te dei esse apelido. Eu te chamava de anjo porque você entrou na minha vida como um.
-Você é um anjo pra mim. Mas existem milhões de jeitos para me referir a você_ deu de ombros.
-Quais?_ sorriu sapeca.
-Princesa, é o meu preferido_ sussurrou_ Pequena, linda, meu amor, Dems... e por aí vai_ disse_ Ah, você parece um bebê, sabia?
-Hã? Um bebê?
-É_ acariciou a bochecha da menina_ Não me pergunte porque eu disse isso... Enfim_ riram_ O que você quer fazer? Pelo que eu vejo, você não está com sono.
-Não mesmo_ sorriu, deitando a cabeça no ombro dele_ Por mim eu não dormiria nunca mais. Podia viver isso aqui para sempre...
-Mas você vai_ brincou com o cabelo dela_ Está com fome? Eu posso pedir para a minha mãe...
-Joe_ ela abriu a porta, sem ao menos bater. Por sorte Joe e Demi estavam apenas abraçados e jogados na cama_ Ah, oi, meu amor!_ sorriu para Demi_ Não sabia que estava aqui.
-Oi, tia_ sorriu.
-Sua mãe e seu pai, como estão?_ perguntou involuntariamente. Joe logo lançou-lhe um olhar daqueles.
-Bom...
-Mãe_ ele repreendeu.
-Bem, eu vim avisar que daqui a pouco a Lucy chega_ mudou de assunto.
-Lucy?
-É... eu marquei um jantar com os pais dela..._ deu de ombros, não entendendo o espanto repentino do filho.
-Mãe... porque você fez isso?
-Algum problema, meu amor? Achei que gostaria...
-A gente terminou_ ele disse_ É uma péssima ideia ela vir aqui!
-Oh, desculpa! Eu não fazia ideia..._ ela fez careta_ Bem, eu não posso desmarcar... Demi, porque não janta conosco?
-Eu não...
-Ela vai sim, mãe_ Joe tratou de responder antes da menina_ A Demi vai dormir aqui hoje.
-Que ótimo! Então logo logo vocês descem, tá? Vou terminar de preparar as coisas.

-Eu não fazia ideia disso, desculpa_ ele pediu, voltando-se para ela.
-Ta tudo bem, não tem problema_ forçou um sorriso_ Só... não acho uma boa ideia eu ficar.
-Ia ser legal ver a cara da Lucy_ deu de ombros_ Eu queria que ela visse que nós estamos juntos e que você é muito melhor. Melhor do que ela e do que qualquer uma.

"You're much better
You're much better girl..."


- Não é a minha intenção chegar e fazer aquela cara de "roubei seu namorado"_ revirou os olhos_ É isso que ela vai pensar.
-Eu já sei_ ele sorriu, sapeca. Levantou e trancou a porta, apagou a luz e voltou para o lado da menina_ Prontinho. Ninguém vai nos acordar.
-Você não vai fazer isso...
-Já fiz_ deu de ombros.
-Joe, eu vou me sentir super culpada...
-Shiii... sossega e aproveita o friozinho gostoso_ riu abraçando a menina por trás_ Ficar assim com você é muito melhor do que qualquer outra coisa_ sussurrou em seu ouvido.
-Eu ainda te acho maluco_ riu_ mas perfeito ao mesmo tempo.

Os dois deitaram-se, acomodando-se ali. Demi sentia a respiração quente do menino em sua nuca, gostando daquilo. Suas mãos estavam entrelaçadas as dele e seus corpos juntos, mais do que o normal. Por enquanto, aquilo era só um cochilo, mas a menina tinha certeza de que não levantaria dali tão cedo, não sairia daqueles braços assim, de uma hora para a outra.
Joe acariciava a mão da menina, um carinho confortante. Nenhum dos dois queria dormir, então pareceu uma boa ideia apenas ficarem juntinhos ali. O menino depositou alguns beijinhos no pescoço dela, carinhosamente. Devagar, deslizou seu polegar pelo braço dela, enquanto Demi sorria, aproveitando o momento.

-Eu acho que você gosta dos meus beijos, né?_ ele riu, seu rosto colado com o dela, percebendo seu efeito repentino sobre ela.
-Acha? Eu amo_sorriu, virando a cabeça, deixando seus lábios a poucos centímetros dos dele_ Você é tão carinhoso comigo...eu nunca achei que fosse me sentir tão bem em toda a minha vida.
-Tenho uma coisa especial por você, sabe disso_ deu-lhe um selinho_ Eu te amo.
-E o que você ama em mim?_ ela quis saber.

"I like your smile
I like your vibe
I like your style
But that's not why I love you
And I, I like the way
You're such a star
But that's not why I love you"

-Tudo. Não tem como falar, é muita coisa_ riu sem humor_ Mas o que eu mais amo é o seu sorriso.
-Quer saber porque eu te amo?_ perguntou, sorridente.

"You're so beautiful
But that's not why I love you
I'm not sure you know
That the reason I love you
Is you, being you, just you
Yeah, the reason I love you
Is all that we've been through
And that's why I love you"

-Quero.
-Eu te amo por ser quem você é. Por tudo que você já fez por mim, por continuar aqui_ abraçou mais firmemente os braços do menino, que estavam ao seu redor_ É por isso que eu te amo.

"And how you keep your cool
When I'm complicated
But that's not why I love you"
...
"That the reason I love you
Is you, being you, just you"


"That's why I love you"

Continua...
Awn, meus amores, eu achei esse capítulo super fofo *-* Na minha humilde opinião! hehehe e aí, gostaram? :) Obrigada pelos comentários, mas continuem comentando muito, ta bem?!?! Amo muito vocês e por mais que eu não esteja respondendo os comentários, saibam que é mais do que importante para mim, tudo que vocês escrevem! <3

Mil beijocas,
Bruna! <3

8 comentários:

  1. ~suspiros eternos~ gente, que capítulo mais lindo!!! *.*
    Sabe, eu amo histórias de melhores amigos que viram namorados, pq foi isso que aconteceu comigo (até escrevi sobre isso :X) :) tinha esquecido de comentar isso antes, mas enfim... me vejo nessas cenas sabe?!
    E essa música "Lucky" é mais que perfeita pra descrever isso... não tem nada melhor do que se apaixonar pela pessoas que mais te conhece e sabe tudo sobre você, sobre o que sente e sobre o quer... é perfeito! :DD
    Ok, sua fic me deixa inspirada ~aiai~
    Lindo e perfeito como sempre, amore! Parabéns! ^^
    Posta logo hein?!
    Bjs! :**

    ResponderExcluir
  2. desculpa comentar duas vezes, mas preciso comentar dois fatos raros:
    1º eu fui a primeira a comentar \o/
    2º consegui postar o comentário de primeira, sem errar aquelas letrinhas :S
    ~viva eu~ #LodonFeelings ahahaha...
    Ok, parei!
    Bjs! :**

    ResponderExcluir
  3. PERFEITO! *-* Vc e sua capacidade de me fazer ficar viciada numa fic com menos de 10 capítulos, pqp! haha BeiJemi linda, e posta logo ;*

    ResponderExcluir
  4. OMGGGGGGGG perfeito
    Jemi Jemi Jemi Jemi õ/
    Ficou lindo o capitulo flor :)
    Posta Logooooo Por favor




    Bjs Maria

    ResponderExcluir
  5. GENTE MAIS QUE CAPITULO PERFEITO O: SÉRIO QUE COISA FOFAAAAAAAAA. Demi e Joe sempre vai ser o casal mais lindo e fofo. Continue assim. Beijos linda, posta logo

    ResponderExcluir
  6. aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    linda que perfeito,
    e desculpa não comentar o
    anterior e que a minha
    vó faleceu e eu tive que ir pra
    minas gerais.
    mais voltando ao capitulo
    ta muitooooooo perfeito
    posta logo bjs.

    ResponderExcluir
  7. Brunaaaaa, meu amor! <3
    OMG que capítulo perfeito! <3 Eu já estava apaixonada pela fic desde o começo, agora então... Acho que esse capítulo tomou o lugar do 7 no posto de favorito! :X hahahaha sério, fiquei apaixonada! <3 Como pode? Ainda não me acostumei com a sua maravilhosa maneira de escrever!
    Babe, eu realmente necessito falar com você porque estou me sentindo um nada! :(
    Posta logo!
    Beijo, te amo muito! Nunca esquece disso! <3

    ResponderExcluir
  8. HEYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYY BRUNAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA, MY BABYYYY <3 LOL
    Mil desculpas por demorar a comentar bb. É que eu estava acupada com trabalos escolares e só aagora consegui vir ler e comentar :)
    Esse capitulo foi super fofo e romentico <3 Vomitando arco iris com ele *-----* Viu é por isso que eu disse que eu amo seus capitulos romanticos. Você escreves eles tão bem, que dá vontade de ai te morder nhac kkk
    Simplesmente não consigo mais viver sem você e a sua fic. I'm just in love with you (8) rs
    Posta Logooooooooo my baby!
    Te amo coisa mais linda <3
    Milhoes de beijos ;*

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3