Visualizações

9 de set de 2012

Be Yourself- Chapter 90 (Último capítulo)- HOT-


Chapter 90- Shut up and kiss me...(último)

Já era final de tarde quando fui até a casa de Demi. Contando com o tempo que ficamos por lá, já deviam ser umas sete e meia, mais ou menos. Eu queria levá-la para minha casa o mais rápido possível, já que estava realmente ansioso e feliz, mas sabia que a noite o clima seria melhor, por isso enrolei um pouco. 

-Posso te perguntar de novo porque estamos na sua casa?- ela fez uma careta, enquanto eu abria a porta. Não precisei dizer nada, apenas a abracei por trás, empurrando-a para que entrasse. Eu olhava atentamente para ela enquanto seus olhos fitavam tudo. Acho que ela não fazia questão de uma resposta agora.
-Está com fome?- sussurrei, sorrindo ao vê-la radiante.
-Você... você fez tudo isso?- perguntou.
-Não tudo- ri- Mas o que vale é a intenção, certo? Eu fiz a maior parte, juro- ela gargalhou.
-Você não existe, Joe...- sussurrou- Isso parece coisa de filme...
-Acho que aprendi com os que você me obrigou a ver- brinquei e ela virou a cabeça por cima do ombro, me encarando com um sorriso e me dando um selinho-Vem, meu amor- segurei sua mão e a levei até a mesa.
-O que te deu hoje, hein?- riu, se sentando à mesa, enquanto eu afastava a cadeira para ela.
-Assim você até me ofende- ela riu- Eu só... queria fazer alguma coisa pra... comemorar. Acho que já era a hora- dei de ombros, sorrindo.
Fui até a cozinha e peguei a comida. Selena havia deixado preparada para mim e eu agradecia por isso. Coloquei sobre a mesa enquanto ela olhava ao seu redor, ainda surpresa. Me sentei junto a ela e a servi.
-Sabia que... é a primeira vez que você me chama de "meu amor"?- comentou, pensativa- Depois que... a gente voltou.
-Meu amor, meu amor, meu amor, meu amor, meu amor- me debrucei sobre a mesa até encontrar seus lábios com os meus.
Ela sorriu e nós conversamos rindo durante o jantar. Foi um momento bom tanto para mim quanto para ela e eu percebia que as coisas entre nós haviam voltado ao normal. Nos divertimos e eu via em seu rosto o quão feliz ela estava. O sorriso não saía dali.
-Eu quero que venha comigo...- abaixei ao seu lado, lhe dando um beijo calmo e intenso.
Segurei sua mão e a abracei por trás, assim fomos juntos até o meu quarto.
-Eu não...- ela parou assim que eu abri a porta- Isso... você... Joe- ela me encarou, sorridente, seus olhos marejados- Eu não posso acreditar- sussurrou, nada muito concreto saía de sua boca.
-Demi, eu...- a puxei para dentro do quarto, ficando de frente para ela- Eu estou para fazer isso a muito tempo e... eu sei que eu demorei e você pode ter ficado magoada comigo, mas... eu sempre te amei muito e nunca achei que precisasse fazer isso para te provar e eu descobri que era verdade- disse- Você.... apareceu na minha vida de um jeito diferente e eu nunca senti nada parecido. Eu sei que tenho muito mais para te falar, mas eu vou pular essa parte, depois eu falo isso tudo- ri sem humor e ela fez o mesmo- O fato é que... eu comprei isso para você e pretendia te dar na viagem. Eu pretendia fazer isso na viagem, mas infelizmente não saiu como eu tinha planejado. Mas não importa... o meu amor por você não vai mudar por causa de...- suspirei, puxando a pequena caixinha do bolço- Por causa de um anel.
-Você...- ela me encarou surpresa. Seus olhos brilhavam por causa das lágrimas que se formavam. Seu olhar estava fixo na caixa que eu acabara de abrir.
-Eu estou te pedindo em namoro- completei, sorrindo e acariciando seu rosto- Eu... te amo, Demi, mais do que tudo. Eu NUNCA vou te perder de novo, eu nunca vou te deixar. Eu demorei para isso e no começo eu achava que você não ligava muito para essa coisa, mas depois de tudo eu quero dizer "ela é minha namorada" da forma correta. Quero que você seja minha, você aceita namorar comigo?- perguntei.
-É claro que eu aceito, Joe- ela jogou os braços ao redor do meu pescoço, me dando um abraço apertado. Nos separamos e eu ajoelhei a sua frente, colocando o anel em seu dedo.
-Eu quero que você olhe para esse anel e lembre de tudo que já aconteceu entre a gente, para nunca esquecer- pedi, dando um beijo em seu dedo, por cima do anel.
-É... lindo- ela sussurrou, encantada- Obrigada, eu... nunca vou esquecer de nada, Joe. Nunca vou esquecer de você- garantiu. Me levantei e fiquei de frente para ela.
-Eu nunca pedi nenhuma garota em namoro com um anel em toda a minha vida- disse- Sinta-se especial- ela sorriu- Porque você é a melhor- sussurrei.
-Eu te amo muito- sorriu e selou nossos lábios.
-E eu acho que deveria me declarar pra você agora- fiz uma careta e ela gargalhou- É sério, eu... estou falando na brincadeira mas tem muita coisa que eu queria te dizer- afirmei sério- A maior parte disso você deve saber, mas eu ainda não consigo entender o que eu sinto. Você é a pessoa mais importante na minha vida, Demi, e sempre vai ser. Eu nunca pensei que sentiria isso e até hoje, quando eu te olho, quando eu te beijo- aproximei meu rosto do dela- Eu sinto coisas que eu nem sabia que existiam. Você é minha namorada, minha Demi, só minha. Eu sempre vou estar aqui, ao seu lado, te ajudando em qualquer coisa. Vou fazer de tudo, o que eu posso e o que eu não posso também, para ver um sorriso no seu rosto, tirar toda a sua dor e passar para mim, porque eu te amo mais do que a mim mesmo. Tudo que eu já fiz, por mais que não parecesse, foi para o seu melhor. E não importa o que aconteça, eu nunca mais vou cometer o erro de te deixar ir embora. E enquanto você tiver esse anel no seu dedo, eu estarei junto a você- garanti, sorrindo- Nem que eu tenha que colá-lo aí- ela soltou uma gargalhada em meio as lágrimas.
-Eu não aguento um único dia sem você e não seria capaz de viver porque você é o que me mantém aqui- sussurrou- Joe... você sabe que sem você eu não seria nada, não seria capaz de continuar. Você não só me impede de desistir como também me da forças para seguir em frente e está ao meu lado. Eu nunca encontrei ninguém tão...perfeito- ela riu sem humor- Como você. E é sério. Porque não importa se você comete um erro, todos tem defeitos. Mas você não. Você me ajuda, está comigo não importa o que aconteça e os melhores momentos da minha vida aconteceram com você, os meus sonhos, os mais imprevisíveis e impossíveis se realizaram, tudo porque você fez isso. O que aconteceu entre nós vai me deixar marcas pelo resto da vida, porque você vai estar ao meu lado, para sempre.
-Quero que você... esqueça tudo, pare um pouco de pensar- pedi- Quero que viva o agora- ela sorriu e eu fiz o mesmo- Eu te amo, Demi. Eu te amo por quem você é, pelo que faz, pela coragem que tem. Eu te amo por ser...
-Você mesma.
-Você mesmo- falamos juntos, com um sorriso.

Demi on:
Eu já estava chorando a muito tempo. Quando ele abriu a porta do quarto e eu vi as velas, todas aquelas pétalas de rosas no chão, tudo, só me provou que eu estava certa, eu parecia estar em um filme e ele era o princípe encantado. 
Seus lábios tocaram os meus, calmamente. Ele colocou suas mãos em minha nuca e me deitou lentamente na cama completamente vermelha. Eu podia sentir as pétalas ao meu redor, o perfume de Joe em mim e suas mãos acariciando minha bochecha. 

À luz de velas, ele começou a beijar meu pescoço enquanto minha cabeça caía razoavelmente para trás, sentindo-o. Sua respiração pesada e quente mantinha contato com minha pele, me arrepiando a cada movimento. Não tínhamos a mínima pressa, pelo contrário, naquela noite, queríamos apenas sentir um ao outro como nunca fizemos antes. Íamos com calma, muito amor e paixão e eu sentia coisas como nunca antes. A nova sensação era incrível.
Suas mãos levantaram minha blusa com calma e ele voltou seus olhos para os meus. Seu sorriso brilhava conforme o fogo nas velas o iluminava. Eu não podia conter minha felicidade e não existia mais nada nesse mundo que eu desejasse tanto, porque eu sabia que quando acordasse, ele estaria ali, sempre me fazendo sorrir e chorar ao mesmo tempo_ como agora_ mas também seria o único capaz de me fazer derramar lágrimas de pura felicidade. Ele seria o único a me fazer feliz e eu não tinha mais dúvidas ou preocupações em relação ao que aconteceria depois. Seríamos para sempre eu e ele. Para sempre e sempre "nós".

Joe pegou um morango que estava em algum canto_ que eu não tinha percebido_ e colocou em minha boca, sorrindo enquanto eu mordia a fruta. Fechei meus olhos, aproveitando aquele doce gosto na minha boca.

Ele sussurrou "minha linda" em meu ouvido e logo depois tirou minha blusa, jogando-a em um canto. Os beijos se tornaram mais intensos e logo depois eu fiz o mesmo. Eu podia sentir seus olhos sobre mim, mesmo com a pouca luz, mas pela primeira vez não me sentia incomodada. Na verdade, ele nunca fez nada que me incomodasse, mas hoje eu me sentia bem, confiante, dentro de mim a melhor sensação palpitava: a sensação de pertencer a ele. Eu queria que ele me olhasse, pois sentia segurança, amor, todos os possíveis sentimentos que me faziam bem em seus olhos. Sentia que ele me amava, como eu nunca senti antes.

Eu estava apenas de lingerie em seus braços, e ele me beijava cada vez com mais paixão e carinho. Suas mãos me acariciavam, enquanto eu me arrepiava a cada toque macio, cada gesto. Com ele, eu me sentia uma princesa, um tesouro, ou algo de muita importância. Ele fazia com que eu me sentisse bem comigo mesma, com que eu me sentisse eu mesma. 

-Eu te amo- sussurrou com a voz rouca, mordiscando meu lábio inferior.
-Eu te amo mais- sorri e juntei nossos lábios, jogando meus braços para trás de seu pescoço e levando meu corpo junto, fazendo com que ele caísse deitado para trás, quanto eu estava por cima dele.
Ele deu alguns chupões em meu pescoço, mas eu não me importava se ficaria marcado ou não. Eu não estava nem aí para nada essa noite, só queria... viver o agora, como ele havia pedido, queria me jogar em seus braços e deixar que ele fizesse tudo o que queria comigo, porque eu sabia que seria perfeito.

-O que deu em você, hein? Está muito animada...- ele disse rindo, enquanto mordiscava minha orelha.
-Eu acho que deu alguma coisa em nós hoje, tanto em mim quanto em você- pisquei rindo- Agora cala a boca e me beija- U.u ele soltou uma gargalhada alta e eu o acompanhei.

Ele então decidiu me torturar. Começou por alguns beijos no pescoço e depois foi descendo. O jeito sexy e seduzente dele me deixavam maluca e era quase impossível sentir seus lábios quentes na minha pele sem sentir a necessidade imensa de beijá-lo. Ele beijou calmamente meus seios enquanto tirava o sutiã e segurou minha mão, acariciando-a. Me deitou e ficou por cima de mim, colocando o peso de seu corpo em seus braços apoiados na cama mas mesmo assim colando nossos corpos. Beijou a borda da minha calcinha_ o que me fez soltar um longo suspiro_ e depois foi subindo pela barriga, enquanto uma de suas mãos fazia o trabalho de brincar com a borda da calcinha, tirando-a. 

Automaticamente prendi minhas pernas em sua cintura e ele voltou a me beijar_ dessa vez nos lábios_ de forma mais intensa. Suas mãos vagavam pelas minhas costas e pela lateral do meu corpo, sem nenhuma restrição. Foi pouco tempo até que eu tirasse sua box também e nós nos selássemos aquele compromisso da melhor forma possível. Provando que éramos um só e que eu definitivamente pertencia a ele.
     *******

-Como você consegue ser tão linda?- perguntou, me encarando, debruçado na cama em minha direção.
-Para com isso garoto- ri, lhe dando um tapa e escondendo minha cabeça em seu peito descoberto- Me responde como você consegue ser tão perfeito que eu respondo a sua pergunta- sorri.
-É segredo de família- piscou- Agora me fala.
-Idiota- gargalhei, enquanto ele ria- Joe, seus pais estão em casa?- perguntei curiosa.
-Hummm... porque, hein? Medo que ontem eles...
-NÃO!- O.o ri, interrompendo-o corada, ele riu de mim e me deu um beijo na testa, tirando minhas mãos da frente do meu rosto- É que, tipo, você nem arrumou aquilo la em baixo...
-O Nick resolve pra mim- disse- Mas esquece isso, tá? Se os meus pais virem aquilo lá, o máximo que eles vão pensar é que eu preparei uma noite super romântica para nós- deu de ombros- Meus pais te amam.
-Quer dizer que o Nick tem um dedo nisso, né?
-Ele e a Selena- ri- Era isso que eu estava fazendo com ela, aquela hora que você ligou. Eu queria te fazer uma surpresa.
-E você fez, foi incrível, obrigada por tudo- sorri de orelha a orelha- Eu te amo muitooooo- distribuí beijos por seu rosto.
-Eu sei disso- U-u- sorriu convencido, me abraçando e puxando meu corpo para mais perto do seu- Mas, eu te amo mais.
-Ha! Duvido- ri- Vamos começar nossa briguinha idiota de novo.
-Não é idiota, é o meu amor por você- me deu um selinho.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Joe on:
-Acho que já estamos a umas duas horas aqui- comentou, brincando com meus dedos.
-Você quer levantar?- perguntei.
-É óbvio que não- rimos- Por mim eu ficava assim para sempre. Sério, o seu abraço é muito bom- se aconchegou.
-Só o meu abraço?- sorriu sapeca.
-Claro que não, bobo- ri- Mas eu estou com fome...- fiz careta.
-Não tem problema, podemos ficar o dia todo assim, juntos- garanti- E eu amo ficar assim com você. É uma sensação boa te ter nos meus braços- ri.
Depois de muitas risadas decidimos que era melhor levantar, afinal, estávamos os dois famintos. Ela já estava de lingerie e eu com uma calça qualquer, e quando ela levantou não consegui tirar meus olhos de seu corpo. 

-Para de me olhar assim- pediu envergonhada, cruzando os braços na tentativa de esconder alguma coisa.
-Desculpa- coloquei as mãos para cima- Não ta mais aqui quem olhou- ela gargalhou, e deu a volta na cama, parando ao meu lado e se sentando na beirada.
-Não é justo eu levantar e você ficar com esses olhos enormes em cima de mim- ela fez uma carinha estranha e eu ri- Eu sei que você deve estar pensando: "Ah que garota fresca"- sussurrou séria.
-Que isso, imagina- disse irônico, ela riu sem humor e levantou a cabeça para me encarar.
-Eu não me importo, Joe. Não mesmo, porque é você- disse tímida- É só que... eu...
-Não se sente bem?- perguntou, tirando uma mecha do meu rosto.
-Eu me sinto sim- afirmou e eu sorri- Só não consigo evitar, é uma coisa minha, não sei.
Ela deitou a cabeça em meu ombro e abraçou as pernas. Coloquei uma de minhas mãos apoiada em sua coxa e ela levantou a cabeça para me olhar, com um sorriso tímido no canto dos lábios. Sorri e lhe dei um beijo calmo, me virando e colocando uma das minhas pernas no colchão, ao seu lado. A peguei no colo e ela riu surpresa, com seus lábios colados nos meus.
A coloquei no chão e a empurrei contra a parede, com cuidado, colando mais nossos corpos. O clima era descontraído e nós riamos em meio ao beijo.

-Você...- segurei sua mão e sua nuca, a encarando profundamente- Topa tomar um banho comigo?- perguntei. Ela abriu a boca, pronta para falar alguma coisa, mas nada saiu. Sua expressão era confusa e assustada, eu não queria que ela ficasse tão tensa assim- Hey, relaxa- sorri- Foi só uma pergunta inocente- fiz uma careta engraçada e ela riu por um segundo- Sou só eu, meu amor- disse docemente- Seu... namorado- fiz outra careta e ela riu, ainda nervosa- Não precisa ficar assim- tentei acalmá-la.
-Eu não esperava pela pergunta- disse, rindo sem humor, tentando demonstrar tranquilidade.
-Já aconteceu tanta coisa entre a gente, Dems- eu disse- E você ainda tem tanta vergonha de mim. Mas porque comigo tudo isso, mesmo depois de tanto tempo?- perguntei calmamente, amigavelmente.
-Você está falando isso por causa do...Lucas?- perguntou insegura.
-Eu pensei sim nisso- confessei- Mas não importa, eu não estou chateado-garanti, sorrindo- Tudo bem, deixa pra lá, esquece isso- sorri me afastando um pouco.
-Eu topo- ela sussurrou, apertando mais firmemente minha mão. Ela tinha um sorriso no rosto e ainda estava um pouco nervosa, mas já estava relaxando.
Nos beijamos por mais algum tempo e depois eu fui carregando-a_ em meio aos beijos_ para o banheiro que ficava ao lado da parede onde estávamos antes. Liguei o chuveiro enquanto ainda a beijava.
-É só sentir a água caindo e esquecer de tudo- sussurrei em seu ouvido- É fácil- ela riu- Fica calma, tá? Tudo tem uma primeira vez- pisquei e ela riu, corada.
                                                                        
                                                                         *******

-Eu quero que isso dure para sempre- pediu, deitada em meu colo, observando atentamente ao por do sol.
-Eu prometo que vai durar- disse- Eu juro, vou cumprir minha promessa.
Nos beijamos sob a pouca luz que vinha do sol, aproveitando apenas um ao outro. Agora seria para sempre, sim, e mesmo que alguma coisa tentasse nos impedir, o destino estaria a nosso favor. Afinal, sempre existe um final feliz.

Continua...
É o último :(( Já... eu me lembro de quando eu comecei a escrever, como passou rápido :/ Eu vou sentir falta disso... mas enfim, não se esqueçam que AINDA TEM O EPÍLOGO, o que significa que NÃO ACABOU AINDA. hahaha bem, eu espero mesmo que tenham gostado, porque eu tentei fazer desses últimos dois capítulos uns dos mais marcantes, e eu espero que marque para vocês também. Ah, eu decidi fazer um pouquinho HOT também, só pra fechar com chave de ouro ;) hahaha não ficou como os outros, mas acho que dá pro gasto! :P Muito obrigada e COMENTEM, por favor! :) Eu amo muito vocês, de verdade! 


Beijemis, Bruna *-*

8 comentários:

  1. POR FAVOR, DIGA QUE VOCÊ VAI ESCREVER OUTRA HISTÓRIA. VOCÊ É UMA >ÓTIMA< ESCRITORA, EU NECESSITO DE NOVAS HISTÓRIAS *-*

    ResponderExcluir
  2. Tipo assim... AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA CARALHO, NÃO ACREDITO QUE JÁ MEIO QUE ACABOU :´) rs
    Sério Bruna, tu escreve muuuuuuuuuito bem <33 Nova fic em breve né? u.u haha BeeiJemi gatinha, e posta logo ;*

    ResponderExcluir
  3. Ah Bruna voce me fez chorar :'( Com certeza foi o capitulo mais lindo, perfeito e marcante de todos. Nem acredito que ja é o capitulo final. Sabia que eu ia chorar.
    Mesmo ainda tendo o epilogo eu ja estou sentindo falta.
    O Joe foi mais do que perfeito. Eu sabia que ele ia pedir a Demi em namoro. Foi o hot mais lindo de todos, foi muito romantico. Eu amei <3
    Eu espero sinceramente que voce ja tenha outra fic em mente, porque eu nao vou aguentar ficar muito tempo sem suas fic nao.
    Posta Logo! O epilogo e a sinopse da outra fic kkkk
    Te amo escritora maravilhosaaa <3333333333
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  4. QUE SURPRESA LINDA *.*
    O JOE É MESMO UM FOFO!!
    AI MEU DEUS, TÁ ACABANDO :(((
    JÁ TÔ CHORANDO AQUI...
    já disse isso várias vezes, mas vou dizer de novo:
    AMO sua fic, AMO o jeito como vc escreve, essa fic foi muito importante pra mim e eu preciso que vc continue escrevendo outras fics!!

    Sem dúvida essa fic ficará pra sempre marcada na minha memória, uma das histórias mais lindas e mais envolvente que já li!!

    PARABÉNS!! :DD

    bjos! :** #suafã


    ResponderExcluir
  5. Brunaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa <3
    Meu amor, que capítulo foi esse? *O* Jesus, ficou perfeito, maravilhoso, lindo, TUDO! Não existe palavras para descrever o quão perfeito foi! O pedido de namoro foi simplesmente lindo! <3 Eu estava chorando lendo! :') A parte hot foi romântica e linda como sempre, e ficou bom sim! u.u
    Ah, nem sei o que falar porque está acabando! :( Essa fic é uma das vão ficar marcadas para sempre na minha mente. <3 Ela se tornou o meu vício, parte de mim e agora chegou ao final! :'( Acho que vou chorar mais quando você postar o epílogo! haha Sou muito sentimental, meu Deus! Eu só quero que você continue postando histórias perfeitas como essa. *-*
    Posta logo! :)
    Beijos, te amo muito! <3

    ResponderExcluir
  6. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH, CAAARAA PERFEITO, TO CHORANDOO AQ :') AAWN MTO ROMÂNTICO , PQP! INCRIVEL,SURREAL,INCRIVEL,D + , INCRIVEL ENTRE OUTRAS QUALIDADES ,POOOSTA O EPILOGO LOGOOO - HAHA MSM SOM #MI.IGNORE - COM CERTEZA VAI SER PERFEITO COMO TODOS SEJA LÁ QUANTOS VC JÁ ESCREVEU, SAIBA Q EU AMEI, Ñ SÓ EU COMO TODOS (AS) AQUI - CREIO EU.
    AMOOO TE BABY!! <333
    Beijoo coom glitter ;*

    ResponderExcluir
  7. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA OMG OMG! NAO ACREDITO Q VAI ACABAR :( OH DEUS! QUE TRISTE! ESSA FIC FOI PERFEITA *-* foit tao fofa e tao jemi! kk POXAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA eu vou chorar! o final foi tao AWNNNN ;) AAAAAAAA posta logo o epílogo! hahaha vou morrer de saudades dessa fic :( bjs!

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3