Visualizações

22 de jul de 2012

Be Yourself- Chapter 64


Chapter 64- Who are you?

Joe on:
-Ei, espera, Demi- chamei enquanto corria atrás dela, na rua, bem na saída da escola. Ela parou, esperou um momento e logo se virou, com uma expressão triste, eu já podia prever.
-Oi, Joe...- sussurrou sem olhar diretamente em meus olhos, desanimada.
-Eu queria saber se você vai a aula hoje... de ballet...- disse meio receoso, me aproximando.
-Sim, vou- respondeu- É a última aula antes das férias...-segurou mais firmemente na alça da mochila que estava em seu ombro, parecendo incomodada com alguma coisa. Ou melhor, alguém. Eu.
-Posso te levar?- perguntei, já esperando um 'não' como resposta, mas já sabendo que não aceitaria.
-Não é só porque você sempre me levou que eu não possa me virar sozinha- disse grossa. Mas conhecendo-a bem, sabia que ela estava se esforçando ao máximo para isso e que não era bem o que queria.
-Eu sei- concordei, calmo- Só estou oferecendo. Eu não tenho nada para fazer hoje e...
-Procura a Ashley que esse seu tédio se resolve rapidinho- sorriu cinicamente.
-E eu achei que pudesse te dar uma carona- continuei, ignorando-a.
-Não quero sua carona, obrigada.
-Estou de carro, sabe disso- falei- Te levo lá em segundos.
-Minha aula não é agora, você sabe- avisou.
-A gente pode almoçar em algum restaurante... comer alguma coisa na rua- sugeri- O que acha?
-Eu não.. não quero que me leve- sussurrou, um pouco insegura.
-Demi, por favor- pedi, sincero.
-Porque você está fazendo isso?- perguntou confusa- Na verdade, o que está tentando fazer?
-Eu só quero que venha comigo- respondi, tranquilamente.
-Isso não vai adiantar, eu não consigo!- disse um pouco angustiada.
-Só estou tentando tornar tudo mais fácil- expliquei, diminuindo o meu tom de voz e me aproximando- Me ajuda, Demi. Sozinho não tem como.
-Você acha que é assim?- perguntou com um sussurro, me encarando com uma expressão confusa.
-Você quer ter essa conversa? Outra vez?- perguntei, calmo.
-Não- respirou fundo.
-Você tem o direito de não querer olhar na minha cara- admiti- Mas eu estou aqui, implorando pra que venha comigo. É só o que eu peço, por favor.
-Eu sinceramente não sei porque eu estou entrando nisso- comentou.
-Entrando...? No que, Demi?- eu não entendia o que ela dizia.
-Nesse seu joguinho, Joe- respondeu grossa. Ela definitivamente não dava uma trégua.
-Mas que jogo?...
-Se você está tentando se reaproximar de mim porque está arrependido ou quer alguma coisa, desista. EU não aguento isso, Joe. Não está sendo tão fácil para mim quanto parece estar para você- explicou nervosa.
-Eu só estou tentando recuperar o pouco que ainda resta- disse- Você decide. Vem comigo ou não?
-Vou- falou simplesmente- Vou fazer papel de idiota, mas vou- resmungou consigo mesma, balançando a cabeça em reprovação.
-Para com isso- pedi.
-Não estou falando com você- U.u
-Está sim- afirmei, em tom óbvio.
Ela bufou e apenas me seguiu até o carro. Eu estava feliz por ela ter ido comigo, só não sabia o que exatamente ia fazer, como agiria com ela, já que nada estava fácil. Abri a porta do carro para que ela entrasse e ela virou a cabeça por cima dos ombros para me encarar, forçando um leve sorriso de lado quando segurei sua mochila para jogá-la no banco de trás, junto a minha.

-Onde vamos?- perguntou, assim que entrei no carro.
-Não vou te sequestrar- pisquei para ela, rindo. Ela sorriu- Sei lá, tem um shopping perto da academia, podemos comer por lá- dei de ombros.
-Tudo bem- concordou- E aí, como foi o seu dia?
-Péssimo- respondi fazendo uma careta e rindo sem humor, um pouco surpreso pela pergunta.
-Imagina o meu...-sussurrou para si mesma, porém eu ouvi- Eu vi no intervalo como foi péssimo o seu dia- disse ironicamente.
-Você vai ficar me mandando essas indiretas?- perguntei impaciente- Não podemos manter uma conversa tranquila?
-Eu não esperava que fosse responder...- fez uma cara estranha- Eu só sinceramente não entendo...
-Não entende o que?
-Quem você é- virou a cabeça, me encarando.
-Você simplesmente tirou as conclusões que quis- disse.
-Você concordou comigo.
-Concordar era mais fácil, pouparia a mim e a você...
-O que isso quer dizer, Joe?- perguntou nervosa- Não falo isso só por causa do que você falou, falo isso pelo que eu estou vendo...
-E o que você está vendo?- perguntei cinicamente, mesmo já sabendo a resposta.
-Não é o Joe que eu conheço. Na verdade, eu só quero que seja verdadeiro comigo. Porque continuar me enganando só vai ser pior. Porque não é comigo quem você é de verdade?
-Está querendo dizer que quer que eu te agarre aqui?- perguntei, segurando o riso com um sorriso travesso, tentando amenizar o clima ruim.
-Eu...- nossos olhares de encontraram e ela ficou paralisada. Sua boca se abriu, mas nada saiu.
-Você...?- pressionei-a.
-É claro que não, Joe- sacudiu a cabeça.
Não consegui me controlar e ri, fazendo com que ela sacudisse a cabeça em reprovação e a abaixasse. Eu sabia que ela estava vermelha, mas tentava esconder isso de mim.

-Ta, olha...- comecei, agora sério- Eu não quero falar disso- pedi- Olha pra mim...
Ela me encarou, desviando o olhar sempre que podia.
-Mas... você me conhece e sabe quem eu realmente sou.
-O que isso quer dizer? O que significa?- questionou confusa.
- Que eu não preciso falar mais nada, você pode pensar o que quiser- dei de ombros.
-Virou jogo de adivinhação agora? É o que, magia?- perguntou fazendo com que eu risse.
-Só estou dizendo que se respondesse de um jeito digno, você provavelmente não acreditaria e ficaríamos aqui, discutindo até amanhã. Se eu deixar por sua conta, será mais fácil. E eu sei que me conhece o suficiente para responder por mim- sorri.
-Tudo bem...- concordou.
-Então o assunto acaba aqui?- perguntei, me certificando.
-Sim, acaba aqui- garantiu, forçando um sorriso.
-------------------------------------------------------------------
Andamos pelo shopping tentando manter uma conversa agradável, apesar de quase nada sair de nossas bocas. Nos sentamos em uma mesa, um de frente para o outro e pedimos alguma coisa. Comemos em silêncio, depois conseguimos conversar por algum tempo.
-Eu vou lá pagar- avisei, me levantando- Já volto.
-Tudo bem- concordou- Enquanto isso eu vou ao banheiro, nos encontramos no restaurante mesmo- forçou um sorriso.
Concordei e caminhei lentamente até o lugar para pagar. O banheiro ficava bem ao lado de onde eu estava, vi Demi passando por mim.
--------------------------------------------------

Continua...
Oooi :) Bom, vai começar o TCA, então não posso ficar muito aqui \o/ hahahaha amo vocês, MUITO obrigada! <333 Volto amanhã, tá? ;) Vamos comentar! Estou MUITO feliz pelos comentários, vocês não tem ideia! <3333


PARABÉNS PARA A NOSSA Mamacita!!! *O*


Beijemis, Bruna *-*

6 comentários:

  1. que bom que você ficou feliz, você merece. Posso dar uma de vidente? A Demi vai encontrar o gato tipo Ian Somerhalder² e ai vai aparecer na frente do restaurante com ele e o Joe vai ficar com cara de bosta e vai aprender a dar valor a Demi e nunca mais trocar a vida que ele tinha por ela. Acertei?????? Provavelmente não, mas eu quis mostrar indiretamente que o gato tem que cair do céu logo porque eu não to mais aguentando a angústia da Demi, coitada, ela não merece.
    Ta perfeitoooooooooooooooooo, posta logo.
    Beijoooooooos.

    ResponderExcluir
  2. eu realmente não tô entendo o Joe...
    ele deixa a menina sozinha, se agarra com a Ashley na frente dela, fala aquele monte de coisa, diz que a vida dele de antes era melhor e talz... e agora vem com essa de carona??? o.O
    se eu fosse a Demi diria NÃO u.u
    e concordo com o anônimo, a Demi tem que levantar esse ânimo e mostrar que não é só ele que pode seguir em frente e ficar com outros por aí...
    acho que o Joe tá muito seguro de si, ele precisa cair na real e ver que pode perder a Demi de verdade...
    enfim,
    é isso! :)
    e a Demi tava muito diva no TCA *.*
    claaaaaaaaro que senti falta de uma fotinho pelo menos de Jemi, mas... é a vida, tenho certeza que o Joe tava babando pela Demizita onde quer que ele estivesse... haha...
    posta loooogo!! ^^
    bjinhos =**

    ResponderExcluir
  3. que beleza de capitulo em ? eu amei vc só vai postar terça ne o outro ?

    ResponderExcluir
  4. AAAAAAAA to morrendo de curiosidade *-* eu quero q eles voltem logooooooo k concordo com as meninas FAZ APARECER UM GAT BEM GATO MESMO kkk ai eu quero ver a cara do joe U.U kkk posta logooo bjs !

    ResponderExcluir
  5. BRUNA! MINHA LINDA <3 que perfeito esse capítulo, sério. O Joe tem que sofrer, aquele puto! Ficava se agarrando com a Ashley e depois ia lá falar com a Dems com a maior cara de pau! Tá, passou, desabafei, passou. kkkkkkkkkkkk ei a Demi tava perfeita no TCA né? MEU DEUS QUASE MORRI DE TANTA PERFEIÇÃO, GOSTOSURA E FOFURA *U* NECESSITO DO CAPÍTULO 65 OK? OK ESTOU MORRENDO DE CURIOSIDADE MULLIER! POSTA LOGO <3 BEIJOS S2S2S2

    ResponderExcluir
  6. O Joe não ta melhorando as coisas pfvr u_u ele tem que dar um tempo pra Demi respirar,ele ta sufocando ela demais.
    A Demi vai na viagem com eles?
    O que você achou do TCA? surtei muito com o Joe lá HDSUAHDIUAHSI Qual figurino da Demi você mais gostou?
    Posta maaaaaaaaaaaaais

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3