Visualizações

29 de mai de 2012

Be Yourself- Chapter 35


Chapter 35- We're fine...

-Hey, Dems- ele sorriu calmo- Vem cá.
Ashley se virou na minha direção quando ele fez isso, sorrindo. Fui caminhando até eles, com a cabeça baixa e os braços cruzados. Estava fazendo muito frio.
-Oi- disse quase que com um sussurro.
-Você sumiu, menina! Nem fala mais comigo, né? Só tem tempo pro Joe!- brincou- Tava com saudades- ela se levantou e me deu um forte abraço.
-Eu... também, Ash- sussurrei, sorrindo.
-Bom, vou deixá-los em paz- sorriu- A gente se fala depois.
Deu um beijo na bochecha de Joe e fez o mesmo comigo.
-Eu acho que... ela não ficou triste com você- deu de ombros, rindo sem humor- Senta aí- sorriu.
-É eu... também acho- ri.
Me sentei bem na sua frente. Eu encarava a mesa enquanto ele comia, mexendo no copo de refrigerante.
-Tenho que dar uma aula de futsal para as crianças daqui a pouco... - comentou.
-Eu... fiquei sabendo- disse- Me desculpa pela sua detenção- pedi um pouco envergonhada.
Ele me encarou confuso. Era óbvio que não admitiria ter sido minha culpa.
-Relaxa, vai ser legal- bebeu um gole de refrigerante- Quem sabe eu não arranjo um emprego aqui?- brincou sorrindo.
-Aham...- ri.
-Que foi? Duvida da minha capacidade?- fingiu estar ofendido.
-Nunca- garanti.
Rimos juntos e depois o silêncio predominou.
-Você não... queria ir a algum lugar hoje depois da aula?- perguntou, colocando uma garfada na boca.
-Sim, mas... deixa pra lá- forcei um sorriso- Eu já desisti mesmo- dei de ombros.
-Porque?- perguntou atencioso- Se quiser eu te levo mais tarde, a gente vai direto daqui ou eu te pego em casa...
-Não precisa, sério. Você vai estar cansado, não precisa fazer isso.
-Você realmente acha que eu me incomodo, né?- riu.
-Não é isso...- sorri- Eu sei que não se incomoda e que não vai desistir- revirei os olhos, rindo.
-Que bom que sabe. Bom, eu ainda vou te convencer mas... Pode me dizer onde quer ir?
-Não é nada importante...
-Então você pode me dizer- sorriu- Vai, você não quer ir sozinha, certo? Me diz...
-Eu ia... fazer a minha matrícula na academia de ballet...
-Jura?- disse animado- Fala sério! É claro que nós vamos! Se eu pudesse saia daqui agora... mas não quero uma suspensão...- fez careta.
-Ah, Joe...eu devia estar nessa detenção, não você! Que coisa- resmunguei- Eu sempre te ponho em roubada.
-Não é hora pra discutir. Eu fiz o que fiz por que quis, sabe disso!- garantiu- Mas... como sabe o porque de eu ter entrado na detenção?
-Foi porque eu... ouvi você aquela hora- confessei, envergonhada.
-Ah sim... Não sabia que estava ouvindo...- deu de ombros- Mas enfim, quando decidiu que voltaria a dançar?- sorriu.
Eu estava agradecendo por ele não tocar no assunto... mas não poderíamos ficar assim para sempre, evitando.
-Ah... não sei- dei de ombros- Aquele dia lá na sua casa me fez pensar em como seria. Era um sonho que eu tinha desde pequena- sorri.
-Porque parou?
-Meus pais achavam besteira. Assim como aprender música por exemplo. Eu não pude fazer nada, eles me tiraram da aula.
-Então está resolvido- se levantou pegando a bandeja- Vamos depois da aula lá- sorriu- Você não vai me fazer mudar de ideia.
Ele deu um sorriso sapeca e levou a bandeja até uma das moças da cantina, ficando de costas para mim.
-Aaaah... Fazer o que se eu fui arrumar um na...- percebi o que estava falando- Fazer o que se você é muito insistente- corrigi rapidamente.
Obviamente ele percebeu, mas nada fez. Nem sua reação eu pude ver, já que agora ele estava na fila para comprar alguma sobremesa. Se antes eu não sabia o que éramos, agora então seria quase maluquisse dizer que eramos namorados.
-Você vai ficar pra minha aula?- perguntou rindo, de onde estava, na fila.
-Claro, quero ver como se sai!- sorri.
-Hummm, que bom. Vou ter companhia- veio até mim com um sorvete imenso na mão.
Eu estava sentada no banco. Ele caminhou na minha direção, mas foi parar atrás de mim. Se aproximou, agachando e depositou uma das mãos levemente em minha cintura. Colocou sua cabeça entre meu ombro e meu pescoço, fazendo nossos rostos se colarem. Com a sua outra mão, levou o sorvete até minha boca. Tudo foi muito calmo e natural.
-Quer?- perguntou sorrindo.
Eu não pude evitar a mudança na minha respiração, o que sentia estando tão perto dele era surreal.. e estranho ao mesmo tempo. Eu não sabia mais o que acontecia entre nós e se antes já estava confusa, agora então eu nem arriscava um palpite. Também faltava a coragem para perguntar, além de parecer idiota. Eu havia mandado que ele sumisse da minha vida e também que esquecesse tudo que tínhamos. Agora eu agia como se isso tivesse sido simplesmente apagado... ele fazia o mesmo. 
-Que delícia!- forcei um sorriso, saindo to transe.
Depois que peguei um pouco do seu sorvete, ele me deu um leve beijo na bochecha e se afastou um pouco.
-Vem, minha aula começa aqui a pouquinho- riu.
Sim, ele percebeu que eu estava meio... 'envolvida de mais' em tudo aquilo. Mas o que eu faria? Ele estava me confundindo ainda mais com aquilo tudo! Ele não tocava no assunto, não me tratava diferente, nem parecia triste, chateado comigo. Mas também não era como antes. Talvez ele também não soubesse o que estava acontecendo.
Me levantei e me juntei a ele, andando ao seu lado, até a quadra. 
-Joe, eu... queria te dizer que eu não sabia muito bem o que estava falando naquela hora... e eu não sei o que está acontecendo agora também porque... eu não sei o que eu fiz...- disse um pouco confusa, envergonhada.
Ele se virou, parando para me observar. Fez uma carinha fofa que só ele conseguia e em um ato inesperado, segurou minhas mãos.
-Eu não quero falar disso agora. A gente tem muito que conversar, mas não sobre isso. Estamos bem, ta legal? Você quer assim?- perguntou calmo.
-Sim, é claro- afirmei.
-Então depois a gente fala sobre tudo o que aconteceu, eu não esqueci. Só... prefiro não tocar no assunto agora. Quando estivermos só nós dois em outro lugar, mais calmo, vai ser melhor- sorriu.
Levou uma de suas de mãos até meu cabelo, colocando uma mecha para trás e logo depois acariciando meu rosto. 
-Você está bem?- perguntou calmo, enquanto eu sorria.
Abaixei a cabeça, sem poder esconder todas as coisas que vieram a tona com esse pergunta. Ele percebeu e segurou mais fortemente minhas mãos, acariciando-as.
-Não...- sussurrei.
Eu não podia mentir para ele. Além disso, não era algo fora do comum, ele sabia que eu não estava me sentindo bem. Se por alguns instantes eu pude achar ou perceber que estava melhor, ou tinha esquecido parte do que havia acontecido, agora estava mais do que provado que não era verdade. 
-Quer conversar agora?- perguntou amigavelmente.
Esticou sua mão para levantar minha cabeça acariciando minha bochecha.
-Você tem que dar a sua aula, Joe...- o lembrei.
-E desde quando uma aula é mais importante que você?- questionou sério.
Não pude evitar em sorrir. Ele fez o mesmo.
-Obrigada, mas... eu acho melhor depois. Está sendo mais fácil tentar esquecer com você aqui. Eu prefiro continuar tentando.
Ele assentiu e foi se aproximando lentamente, me dando um abraço. Apertado e confortante. Tudo que eu estava precisando.


Continua...
Olá! :) Bem.. espero que estejam gostando :s Porque.... sei lá... eu acho que já não estão curtindo mais a história como antes :( Mas... pode ser só impressão :) Olha... eu estou doente, não sei o que eu tenho... mas só vou avisando porque eu vou tentar continuar escrevendo e postando... só não posso garantir nada até descobrir o que eu tenho :( Eu postei um hoje porque vocês acharam... pequeno (?) Chato (?) Olhem, eu já disse que não da pra ficar SÓ em disposição disso aqui! Não querendo me comparar com outras, mas eu acompanho VÁRIAS fics que tem 50 comentários por capítulo e ficam quase um mês sem postar! Então... por favor... tentem entender!
De qualquer forma, obrigada a todas! Amo vocês *-*
Não vou responder os comentários hoje.... mas li todos e AMEI *O* hahaha todas querem um namorado como o Joe, certo? Desculpem, ele já é meu marido U-U Hahahahahaha <3


CAMIIIIIIIIIII VOCÊ VOLTOOOOOOOOU \O/ OMG! Nem acredito nissooooo! *O* Menina, saudade é pouco pro que eu to sentindo! Como você está? :O Te amooooooo <3 P.S. EU LIGO, OKAY SENHORITA? U-u NUNCA MAIS, NUNCA, NUNCA, me abandone desse jeito, ouviu? Assim você mata a mamãe de preocupação! <3 <3 Se eu te desculpo? O que? JURA MESMO? Mas é OBVIO que eu te desculpo! Aliás, você não tem PORQUE me pedir desculpas! :O Beijocas, linda :3


É isso gente.... comentem muito, obrigada a todas! *-*




Beijemis, Bruna <3

8 comentários:

  1. OMG! DESCULPA NAO TER COMENTADO NO OUTRO POST.. EU ESQUECI #SORRY :( em componsaçao eu fui a primeira nesse :) hehehe enfim! AWN! o joe é tao fofis *-* pode ficar com o joe eu prefiro o meu nick oK ? U.U POSTA MAIS BJS!
    obs: vê se melhora logo ok? kisses

    ResponderExcluir
  2. OMG..
    O meu Joe é tão fofo..
    Eu vou TER que roubar ele pra mim...
    Humm..Fiquei curiosa..
    Hey,melhoras pra vuxe my baby..
    Então..Melhoras e fui..
    Posta Logo amore..
    Bjubj

    ResponderExcluir
  3. AHhh nao curtindo mas como antes .. nada haver pelo menos eu to amando a historia , o joe e tao perfeito !! amei posta logo !

    ResponderExcluir
  4. Eu to amando essa fic, alias eu amo tudo que vc escreve. Vc tá doente? Quando vc souber o que tem avisa ok? eu to preocupada.O capitulo de hoje tá perfeito, em todos os sentidos, todos os capitulos que vc escreve são perfeitos.
    Vc nao tem a ideia de quanto eu senti saudade de vc. Nao vou te abandonar mais ok? Não vou deixar a minha mamãe morrendo de preocupação né? Mais são tantas coisas ruins acontecendo que eu nao tinha tempo pra nada. E claro que eu tenho de pedir desculpas eu nao posso deixar minha DIVA sem explicaçoes né?
    Vc é a escritora que eu mais admiro, vc escreve muito, mais muito mesmo, responde suas leitoras, cara vc é perfeita ok??
    EU TE AMO MUITOOO <3
    Beijoss
    ASS: Cami

    ResponderExcluir
  5. OMG nossa que lindo

    ResponderExcluir
  6. POSTAAAAAAAAAAAAA!!!

    ResponderExcluir
  7. Brunaaaaaaaaaaa! <3
    Que capítulo PERFEITO, mas isso todos são e você já deve estar cansada de saber! *O* O Joe foi um lindo com a Demi, mas afinal quando ele não é? hehe :D Eles vão conversar? Vão voltar com o rolo deles? Já que AINDA não é namoro! Eles também vão namorar, não vão? *_* ~nessa hora você responde sim, ok?~ Eu sou muito chata te enchendo de perguntas. :(
    Anjo, o que você tinha? Ainda bem que já está melhor! ;) Fiquei preocupada! :/ Mas, quem não tá bem agora sou eu. Ah, tenho que te avisar que se eu sumir um pouco do twitter é por conta do colégio, ok? Conciliar ensino médio com a Demi não está nada fácil! :( Ainda mais agora... Mas, eu NÃO VOU TE ABANDONAR, ok? Sempre venho aqui ler e comentar, mas pelo twitter vai ser um pouco mais difícil. Ultimamente, minha vida está bem complicada! :(
    Eu nem mais o que escrever para você! :( Ah, eu estou MUITO ANSIOSA pro próximo capítulo. hehe :D
    Posta logo! ;)

    Beijos, te amo demais! <3

    ResponderExcluir
  8. aaaaaaaaaaaaaa amei amei amei posta logo por favor :)

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3