Visualizações

21 de abr de 2012

Be Yourself- Chapter 15


Chapter 15- What to do?...



Demi on:
Era sábado. Depois da noite de ontem, só consegui cair na cama, pensando em como tudo havia mudado tão repentinamente e como estava agora.
Me levantei e ainda era cedo, tomei um banho bem quente e coloquei um agasalho, era uma manhã muito fria. Desci indo em direção a cozinha, mas nada me agradava, eu não estava com muita fome. 
Eu não tinha o que fazer então decidi ir até o jardim ou talvez dar uma volta no parque.
Quando atravessei a porta, pude ver Frankie e Joe jogando futebol americano na rua. Me aproximei, indo até a calçada. Eu estava próxima deles, mas nenhum dos dois parecia ter me visto.
Joe usava uma calça preta larga, aquelas que se usa para praticar esportes e uma blusa simples branca... Apenas lindo como sempre. Eles pareciam entretidos com o jogo, corriam de um lado para o outro, com certeza se divertiam.
-Deixa que eu pego- ouvi Joe gritando.
Ele correu em minha direção, seguindo o movimento que a bola fazia pelo ar. Mas estava de costas e cada vez mais perto.
-Joe a...- Frankie tentou avisar, mas já era tarde.
Eu não tive tempo de sair, foi realmente muito rápido. Ele esbarrou em mim com certa força e caímos os dois no chão.
-Meu Deus, desculpa- pediu se levantando- Te machuquei?- estendeu a mão para me ajudar.
-Não- respondi sorrindo.
-Tem certeza?- estava preocupado- Eu não sabia que estava aqui, desculpa...
-Não se preocupa, Joe- ri- Ta tudo bem.
-Se é assim, bom dia- se aproximou rindo e me deu um beijo calmo e demorado.
-Bom dia- sorri.
-A senhorita estava me espionando?- perguntou.
-Não- ri- Eu só vim aqui fora e vocês estavam jogando.
-Porque não me chamou?
-Eu não queria atrapalhar- expliquei- Aliás, não está frio não?!
-É por isso que estamos jogando- sorriu- Fica mais quente. Quer se juntar a nós?- riu.
-Aaaah não- neguei rindo, ele me abraçou, segurando minha cintura- Prefiro olhar.
-Vamos lá em casa? Eu tomo um banho rápido e a gente sai pra comer alguma coisa- sugeriu sorrindo- Já tomou café?
-Pra falar a verdade não... - disse- Eu realmente estou com fome- fiz careta.
-Que bom, eu não comi nada também. Aquele ali- apontou para Frankie, que nos observava, brincando com a bola- Me acordou as 7 da manhã- revirou os olhos- Pulando na minha cama- completou. Eu ri.
-Eu acho que ele quer jogar- comentei- Depois a gente come, não quero atrapalhar vocês.
-Eu to jogando a 2 horas, Demi- disse sério- Você me fez um grande favor- riu.
-Tudo bem... então eu te espero aqui- disse.
-Não- se aproximou- Vem comigo- pediu.
-Ta legal- me dei por vencida- Vamos.
Ele colocou seu braço ao meu redor e seguimos em frente. Joe passou por Frankie, fazendo sinal para que entrasse, por incrível que pareça, ele não reclamou, apenas sorriu em minha direção e entrou em casa saltitante.
A casa parecia estar vazia, acho que os pais de Joe ainda não haviam voltado. 
-Eu vou tomar um banho rápido- disse- Quer me esperar aqui ou vai subir comigo?- perguntou.
-Não eu... espero aqui mesmo- forcei um sorriso.
-Tudo bem, eu já volto- sorriu, me dando um selinho.
Ele subiu a escada rapidamente. Me sentei no sofá para esperá-lo. Poucos minutos depois seu celular começou a tocar, provavelmente Joe havia deixado na sala, eu ouvia o som. Tocou mais umas 2 ou 3 vezes, até que encontrei o aparelho. 
O encarei por alguns segundos, podia ver claramente que uma mensagem havia chegado. Não pensei por muito tempo, quando me dei conta, já estava clicando em 'ver'. Eu tinha em minha cabeça que isso não era certo, eu não tinha esse direito de bisbilhotar as coisas de Joe, ainda mais quando se tratava de um celular, uma coisa pessoal. Mas foi mais forte do que eu e não tive tempo de me controlar.
    
"Amor, está confirmado hoje? Estou de esperando aqui, nos divertiremos muito <3 Me liga quando puder, estou com saudades... 
                                                                                                      Beijos, Ashley"


Por um segundo eu não sabia o que pensar. As primeiras sensações que invadiram meu corpo foram ciúmes, uma pontada de arrependimento por tudo, uma vontade imensa de sair correndo. Porém alguma coisa me prendia ali. Primeiramente eu não sabia o que fazer, como falar com Joe, não sabia ao menos se falaria com ele sobre isso, afinal, foi um erro futucar o celular dele assim, do nada. Mas também não teria sido um 'erro' de sua parte fazer isso? Eu não sabia muito bem o que acontecia, tudo se passava muito rapidamente pela minha cabeça. 
Voltei para o sofá, deixando o celular onde estava. Respirei fundo algumas vezes e pude perceber que estava sendo um tanto quanto... antecipada ao pensar naquilo tudo. Não que a possibilidade de haver alguma coisa entre eles não me incomodasse, mas me peguei pensando na realidade, no que realmente acontecera.
Não seria legal da parte de Joe fazer nada do tipo, me sentiria muito mal- eu já podia me sentir assim- além de ser um tanto desleal. Mas como pensar em lealdade agora? Afinal, o que eu e Joe tínhamos? O que estava realmente acontecendo entre nós? Ele dissera que tudo seria diferente, eu mesma confirmei isso, mas pensando mais fundo na situação, estávamos seguindo o que havia sido dito? Eu me sentia especial, verdadeiramente amada, porque foi exatamente isso que coloquei na minha cabeça... só que não era bem assim.
Eu e Joe ainda estávamos apenas ficando, olhando fundo, era exatamente isso. Diferente? Eu não encontrava a resposta. Tudo bem que durante esses quase 2 dias que passamos juntos, as coisas realmente pareceram diferentes, não parecia ser algo do momento, mas eu tinha provas disso? Não estávamos namorando nem nada. Ele se declarou para mim, eu me abri com ele e confiei, me iludi mais, acreditando que seria diferente... seria mesmo? Joe não pareceu se preocupar com nada mais sério, para ele, tudo estava bem assim, desse mesmo jeito que estávamos acostumados. 
Então ele tinha o direito de se divertir com Ashley? Eu não achava as respostas certas, não entendia o que sentia. Eu não podia falar com ele, não sabia como ele reagiria a minha ousadia, eu podia piorar as coisas com essa ideia ridícula de mexer no seu celular. E se fosse tudo um completo mal entendido? 
Abaixei a cabeça, levando as mãos até o cabelo. Meus olhos ardiam, mas eu não podia chorar, não por algo tão bobo ou inútil. Além disso, se Joe me visse assim, tudo seria mais difícil e eu não conseguiria disfarçar.
-Demorei?- ouvi sua voz, próxima de mim.
Levantei rapidamente a cabeça, afastando todos aquele incômodos pensamentos e forçando o meu melhor sorriso.
-Não, imagina- disse sorrindo.
-Então, vamos?- perguntou vindo até mim, esticando sua mão, para que eu levantasse.
-Claro.


Continua...
Hey galera! Obrigada a todos que comentaram, eu amei cada letrinha que vocês escreveram! Eu não to com muita cabeça para responder, me desculpem! :s Mas quero que saibam que eu li TODOS e AMEI! <3 Amo muito todos vocês! Em relação ao design, eu tentei mudar e fiz uma grande besteira aqui no blog, quando fui reverter, não adiantou de nada! Então tive que fazer tudo de novo! :/ Bom, eu mudei algumas coisas, acho que perceberam... não era o que eu queria fazer mas prefiro não arriscar e deixar assim mesmo! De qualquer forma, obrigada por todas as opiniões :) Bom, como devem ter percebido, eu diminuí o capítulo, já que vocês preferiram assim! Eu vou fazer de tudo pra postar mais rápido ;') 
Genteeeeeee o show! *O* quem me acompanha pelo twitter sabe COMO foi PERFEITO e COMO eu SURTEI! Gente... ela tava tão linda, fofa, perfeita... foi lindo! Eu nunca chorei tanto, só conseguia tremer, gritar, pular, chorar... foi o melhor dia da minha vida! Ver aquele sorriso no rosto dela não tem preço! Eu tava ali.. tão pertinho *-* Enfim... gente... vocês não imaginam como tudo isso significou pra mim! <3333


Obrigada a todos, vocês são incríveis e desculpa a demora, mas esses dias eu fiquei bem sem tempo e vou confessar que a vontade de postar não vinha... porque a minha cabeça não ta nada bem... mas eu não podia deixar vocês aqui, esperando! Obrigada por tudo! :D


Bom... eu to lendo mais uma vez esses comentários e me da muita vontade de responder! :P Eu volto aqui depois, quando estiver com menos coisas na cabeça, e faço questão de responder a todos, okay? Hehe :3 COMENTEM MUITO, certo?! Muito, muito, muito! :D Como eu vou postar mais rápido agora, quero muitos comentários, em! <3


Beijemis, Bruna *-*

6 comentários:

  1. Nova seguidora! :)
    Adorei a fic!
    POSTA LOGO!

    BeiJemi

    ResponderExcluir
  2. AAAAA NAO ACREDITO!! QUE MENSAGEM FOI SENHOR JOSEPH ?????? AAA POSTA MAIS!! PLEASE!! *_* :D PERFECT! s2

    ResponderExcluir
  3. Eu amo isso.
    E passa fora Ashley.
    Adorei o cap.
    Bju =)

    ResponderExcluir
  4. lindo cap uma nova seguidora á vista

    ResponderExcluir
  5. Oiii anjo, Giu aqui!!
    Vai postar hoje, né? Espero que vá!
    Olha, vê se você tem algum dia sem ser tumultuado porque eu quero te ver antes de viajar e ficar 8/9 dias sem twittar, ou seja, sem falar com você :(
    Me aisa o mais rápido possível, tá?
    E o capítulo:
    Tá lindo! Mas que tal de mansagem é aquela?
    Me fala que vão ter momentos Jemi antes de que eles terminem por causa da Ashley(tentando prever)!!!
    Eu quero o próximo apítulo logo!!!
    Beijinho, anjo, da SUA LOVAQUETE.

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3