Visualizações

27 de fev de 2012

Do You Remember? - Chapter 40 {parte 3} Último capítulo.

Chapter 40 (parte 3)


Joe on:
Tudo estava resolvido entre Demi e Dallas, eu não podia estar mais feliz por elas.
-Bom gente, eu vou deixá-los em paz... Porque acho que tem muito o que conversar- Dallas disse e eu respirei fundo- Também estou morrendo de sono. Até mais- ela saiu.
Me deitei na cama, sem falar nada.
-Joe...- Demi chamou- Você não quer conversar?- perguntou.
-Eu não tenho nada pra dizer, Demi- respirei fundo- Depois a gente conversa- fechei os olhos.
-Joe...- ela disse com voz de choro- Por favor...-pediu.
-Olha só, Demi... O que você quer que eu fale?
-Tudo bem... Eu lhe devo desculpas, mais uma vez, eu sei. Mas eu só queria que me contasse o que fazia lá com aquela mulher!
-De novo isso?- resmunguei- Demi, eu tive que trazer a Dallas aqui pra você acreditar que eu não estava com ela, agora você vai continuar desconfiando de mim?
-Não, Joe! Eu só acho que se é uma coisa sem importância, não tem porque esconder de mim!
-Eu já falei que você saberá, Demi! Pelo amor de Deus! Acredita em mim uma vez na sua vida!- implorei.
-Eu acreditei em você, Joe! Tanto agora, com a Dallas, quanto nas outras milhares de vezes!
-Me poupa! Eu tive que trazê-la aqui! Você devia ter acreditado em mim sem precisar de provas.
-Eu não sei mais o que pensar- ela desabou em lágrimas- Isso tudo ta me deixando muito confusa... Minha cabeça quer explodir! E meu coração também!
-Eu entendo que esteja se sentindo mal, Demi. Eu sei que essa história da Dallas te deixou abalada, confusa... Mas eu não quero que fique assim.
-Não é só por causa da Dallas, Joe! - disse em meio a soluços- Você sabe por que eu to assim!
-Escuta, Demi- peguei suas mãos, me aproximando- A partir de agora, é com você! Eu não tenho mais o que fazer, está nas suas mãos!
-Mas eu não sei o que fazer!
-Isso é uma prova de que está em dúvida sobre o amor que sente por mim, Demi. 
-NÃO!- ela quase gritou- Nunca, Joe! Eu te amo! Só é muita coisa pra minha cabeça!
-Entende uma coisa- pedi- Já parou pra pensar em como eu estou me sentindo em relação a isso? Demi, você não acredita em mim, não confia! Eu já tentei de tudo, mas agora não tem mais nada a ser feito! A decisão é sua! Eu estou te dando uma chance, eu estou te dando a chance de escolher o que fazer, não só com a sua vida, mas com a minha também! Eu podia ter terminado com você e fim, mas eu estou colocando isso nas suas mãos, pra você ter a oportunidade de pensar melhor e ver o que quer para o NOSSO futuro. 
-Porque está fazendo isso? Eu não agunto mais todas essas coisas pesando no meu coração. Eu estou me sentindo horrível!
-Porque é você que está em dúvida! Eu te amo mais que a minha vida e você não deveria desconfiar da minha palavra.
-Mas eu não desconfio. Eu também te amo, Joe! 
-Então porque a dúvida, Demi?- a encarei. Ela não respondeu nada, apenas abaixou a cabeça chorando mais.
-Me deixa pensar, por favor!- pediu.
-É claro que eu deixo, Demi. Só entenda que você escolhe o que o seu coração mandar, e eu sofrerei ou não com a sua escolha. Entenda que está sofrendo a toa, quando eu deveria sofrer mais. A escolha é sua.
-Eu não quero terminar nosso namoro, Joe! Eu nunca quis. Não posso te perder!
-Então escuta o seu coração. Porque como eu disse, nunca mais vai voltar a ser como antes. Desculpa mas eu não vou conseguir fingir que não te amo, que não te quero por perto. Isso vai doer mais em mim do que em você!
-Por favor- ela sussurrou- Eu não quero te perder... Já que depende de mim, eu NÃO vou terminar nosso namoro, Joe!
-Mas você ainda não acredita em mim... De que adianta?- perguntei.
-Entende que é porque eu te amo!- ela disse um pouco exaltada- Eu não sei o que fazer...- se deitou na cama, escondendo o rosto, abafando o desesperado choro.
-Demi- acariciei seu braço- Eu não quero que se sinta pressionada, por favor- pedi.
-Como não, Joe?
-Me desculpa- eu a puxei para o meu colo- É que eu odeio te ver sofrendo e você sabe disso! Só quero que entenda que você tem o direito de fazer o que quiser!
-Eu só estou confusa... porque eu quero saber o que fazia na Torre! Não é que eu desconfie de você, Joe! Mas eu só queria que me dissesse! Não quero terminar com você! Pelo amor de Deus, entende isso!- implorou.
-Tudo bem, calma- pedi acariciando seu cabelo- Faz o seguinte, só espera um pouco. Eu entendo que esteja 'curiosa', mas você já saberá. Pode ser?- perguntei.
-Pode- ela forçou um sorriso.
Sorri e a puxei mais para perto, selando nossos lábios com um beijo calmo e apaixonado. 
-Eu não quero que seja o último- sussurrou, ainda muito próxima de meu rosto, com a testa encostada na minha- Por favor, me promete que não será.
- É muito difícil dizer adeus... Mas as vezes é necessário- ela fechou os olhos com força, uma lágrima escapou.
-Eu não vou dizer adeus- disse com firmeza.
-Eu também não- garanti.


Continua...
Gostaram?? *-* Bom, obrigada pelos comentários e novos seguidores! Amo vocês, muito mesmo <333 Volto aqui depois, ou talvez amanhã para repassar o selinho que ganhei :'D Comentem MUITO!! ;)
Eu li que uma pessoa acha que a Demi chora muito na história. Me desculpem gente, mas é que eu vou escrevendo e quando percebo... Buum, foi isso que saiu :O Mas é o seguinte... Eu tenho uma fic para postar que será realmente mais 'triste, sofrida' mas não deixará de ter coisas felizes, claro. Mas em função de acharem isso, eu postarei outra história antes, que é mais tranquila :) 


Beijemis, Bruna <333

3 comentários:

  1. aaaaha eu ameeeei amor!! posta logo ta mt perfeitaaa!!!

    ResponderExcluir
  2. OMG!! aaaaaaaaaaaa que perfeitoo! *-* posso chorar tbm?? :O aa to curiosaa postaa lgoooooo bjs!!

    ResponderExcluir
  3. Oiii anjo, Giu aqui!!!
    MARAVILHOSAAAAA!!!! Posta o próximo? Por favor!!!
    To necessitando! To ficando meio sem tempo com a volta permanente das aulas... Por isso to falando pouco com você, mas não pense que eu quero deixar de falar com você, tá? É oque eu mais quero, queria ficar o dia todo falando com você ou sair com você, mas agora não dá :/ até porque to ficando muito tempo com as meninas ou seja... To ficando doidinha da cabeça, e com as aulas voltou tudo... Jazz, Hip Hop, Curso... E eu como to meio doidinha, tenho aquelas crises, você já viu que do nada eu fico meio melancólica no twitter e começo a evitar as pessoas, né? Pois é! É porque eu to perdendo a cabeça, mas é temporário, e eu fico com medo de brigar com alguém, por isso também estou falando pouco com você, se eu brigasse com você eu nunca me perdoaria...
    Então linda, to doida pro próximo capítulo :P
    To esperando aqui, tá??
    Te amo demais, demais, demais, demais!!
    Beijos, da SUA LOVAQUETE.

    ResponderExcluir

Vamos comentar?!?!..... SIM! :3